Adel dá continuidade as atividades de formação do Projeto Caroá

Everardo Alves (ao centro), instrutor da oficina “Como produzir abelhas de maneira sustentável”, e os jovens do Projeto Caroá

Amanhã (19/04), a Adel inicia a oficina Boas Práticas de Produção e Processamento dos produtos da Agricultura Familiar com os jovens que participam do Projeto Caroá – Cooperativa de Jovens Empreendedores Rurais.

A oficina ocorrerá na sede da Adel (anexo), em Pentecoste e integra as atividades de formação do Projeto Caroá que busca contribuir para inclusão socioprodutiva dos jovens rurais. Ministrada por Fabiola Moreira, Economista Doméstica, a oficina abordará como as boas práticas (higiene de alimentos, bem estar animal, produção de doces e processamento mínimo de hortaliças) podem ser desenvolvidas pelos jovens na Cooperativa.

Esta oficina, acontece nos dias 19 e 20/04, e leva em consideração a necessidade de atender a comercialização dos produtos que serão produzidos pela Cooperativa. As boas práticas de produção e processamento dos produtos podem fortalecer a venda dos produtos dos cooperados nas feiras, nos Programas Governamentais de Comercialização (PAA e PNAE), dentre outros mercados.

As atividades de formação do Projeto Caroá compõe a segunda etapa do Projeto e teve início em março. Primeiro, foi realizado um diagnóstico sobre as potencialidades do território e a viabilidade da implantação da Cooperativa. Em seguida, os jovens empreendedores rurais foram convidados a participar das atividades de formação e pensar a estruturação da cooperativa.

Participação do Projeto Caroá no evento de inauguração da CSP em São Gonçalo do Amarante/CE

O Projeto Caroá é realizado pela Adel e conta com o apoio do Programa Ideia da Gente promovido pela Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP). A maioria dos jovens beneficiados pelo projeto são empreendedores e cultivam diversos produtos da agricultura. O jovem Vitor Esteves, articulador e integrante do projeto, esteve no último dia 04, expondo os produtos da agricultura familiar no evento de inauguração da CSP em São Gonçalo do Amarante.

Atividades de formação

As atividades de formação do Projeto Caroá possibilitam aos jovens empreendedores o conhecimento sobre técnicas de produção, gestão e comercialização dos produtos da agricultura familiar.

Em março, a Adel realizou as seguintes oficinas: Cooperativismo e Gestão de Cooperativas (16h), com o Assistente de Projetos da instituição Tales Rilton; Produção de Galinha Caipira de Corte e Postura (24h), com o zootecnista Davyd Herick; e, Como produzir abelhas de forma sustentável (16h), com o Produtor/Experimentador e Articulador da Rede Néctar do Sertão, Everardo Alves.

Registro da oficina Cooperativismo e Gestão de Cooperativas

Além dos jovens do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) desenvolvido pela Adel participam jovens e agricultores do território que acreditam que através do cooperativismo é possível aumentar a produção e obter uma renda melhor. A jovem empreendedora rural Ana Maria Macieira, da comunidade de Livramento, São Gonçalo do Amarante/CE, conta entusiasmada após a oficina de Cooperativismo e Gestão de Cooperativas sua participação e do esposo no projeto.

“Esse encontro foi importante para aprofundar mais sobre o assunto cooperativa, entender como vai funcionar, saber com nós jovens vamos protagonizar dentro da cooperativa. Acho que fui mais longe ainda, consegui trazer o Rubens, meu esposo também agricultor, para esse encontro tão importante que há tempos eu convidava e ele não vinha. Eu consegui trazê-lo e acho que gostou, agora eu estou mais forte pois são duas pessoas pensando juntos”.

Em breve os participantes do projeto vão fazer intercâmbios e conhecer outras experiências cooperativistas no Nordeste. No dia 26/04, eles participarão da oficina “Os Programas Governamentais de Comercialização (PAA e PNAE) e sua importância para o desenvolvimento local” com o intuito de aprender como comercializar os produtos da agricultura familiar através destes Programas, quais os desafios e como acessá-los.

Breve currículo da instrutora da oficina 

Fabíola Moreira é graduada em Economia Doméstica pela Universidade Federal do Ceará (UFC) e especialista em Vigilância Sanitária; Supervisora Nacional de Serviço de Alimentação no setor Turismo Certificada pelo SENAI DF; Consultora de Controle Higiênico Sanitário e do Programa de Rádio Dom Bosco; e, Instrutora da Faculdade e Escola Técnica Apoena.

Fabíola tem experiência em auditoria em indústria de pescado para certificação da ISO 22000 e em coordenação de Projetos na área de Segurança Alimentar. Foi instrutora de cursos de beneficiamento de leite, frutas, confeitarias e boas práticas de fabricação e manipulação dos alimentos. Durante três anos foi Consultora de assuntos doméstico da Rede União.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *