Adel inicia projeto de fortalecimento da cadeia produtiva do leite no Ceará

A Agência de Desenvolvimento Econômico Local (Adel) em parceria com o Banco do Nordeste do Brasil (BNB) por meio do Programa de Desenvolvimento Territorial (PRODETER) realizam no território do Baixo e Médio Jaguaribe no Ceará, o Projeto Estruturação da Cadeia Produtiva do Leite. Participam do Projeto cento e quarenta (140) pequenos produtores de leite de cinco municípios – Alto Santo, Iracema, Limoeiro do Norte, Morada Nova e São João do Jaguaribe.

O Projeto busca contribuir para o aumento da produtividade e da rentabilidade na atividade de bovinocultura de leite no território. Objetiva ampliar as capacidades técnicas e de gestão das pequenas propriedades rurais; fortalecer as estruturas organizativas para aumentar a efetividade de estratégias de desenvolvimento da atividade econômica; e, difundir entre os produtores conhecimentos, soluções e tecnologias que gerem resultados efetivos em curto e longo prazo.

Em dezembro, o Diretor Executivo da Adel, Adriano Batista, esteve em São João do Jaguaribe/CE, juntamente com a Gerente Executiva Estadual do BNB, Jeânia Gomes, apresentando o Projeto para o Comitê Gestor Territorial (CGT). Adriano Batista espera que as ações do Projeto auxiliem na estruturação da cadeia produtiva do leite, na organização dos produtores e no desenvolvimento da região. “A gente espera que os produtores apliquem os conhecimentos e tecnologias trabalhados no projeto em suas propriedades, que eles se organizem em arranjos produtivos locais e aumentem sua produtividade. Esperamos também contribuir para que o produtor conduza a atividade respeitando o meio ambiente”, ressalta.

As atividades do Projeto são divididas em três eixos: capacitação, assessoria e difusão de tecnologias. O eixo capacitação compreende a realização de seminários, minicursos, dias de campo e intercâmbios. Já o eixo assessoria foca na elaboração de planos de negócios, no fortalecimento organizativo e na criação de Arranjos Produtivos Locais (APLs). O eixo difusão de tecnologias propõe a implantação de uma Unidade de Referência de Bovinocultura de Leite em São João do Jaguaribe, na sede da Associação de Fomento a Caprino-ovinocultura e a Bovinocultura do Sítio São Bento para difusão de soluções e tecnologias socioambientais viáveis e aplicáveis ao contexto e aos desafios enfrentados.

As atividades do eixo capacitação iniciam com o Seminário Bovinocultura de Leite e Sustentabilidade no Semiárido, dia 21 de janeiro, às 9h, no Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia do Ceará (IFCE/Campus Limoeiro do Norte). Durante o Seminário acontecerá o Painel Desafios da Cadeia Produtiva da Bovinocultura de Leite no território do Médio e Baixo Jaguaribe e estratégias de superação.

O painel será mediado por Tiago de Medeiros Silva, Especialista em Bovinocultura de Leite e Zootecnista na empresa Betânia Lácteos, com a participação do Professor do IFCE Dr. Rodrigo Gregório da Silva e do Prof. Dr. Magno José Duarte Cândido do departamento de Zootecnia da Universidade Federal do Ceará (UFC). O Seminário é destinado aos participantes do projeto e aos parceiros locais.

O Projeto conta com os seguintes apoiadores: Associação de Fomento a Caprino-ovinocultura e a Bovinocultura do Sítio São Bento, Núcleo de Ensino e Estudos em Forragicultura (NEEF/UFC), FAEC/SENAR SINRURAL, Ematerce, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará e das prefeituras dos municípios atendidos.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *