ADEL participa do Encontro Regional de Transferência de Tecnologia da Embrapa Caprinos

A ADEL participou do Encontro Regional de Transferência de Tecnologia do Nordeste realizado em Sobral nos dias 14 e 15 de outubro. O encontro foi realizado pela Embrapa Caprinos e tinha como objetivo apresentar e discutir os avanços das ações: integração de unidades demonstrativas na produção de carne e leite de caprinos e ovinos no semiárido.

Na ocasião, Adriano Batista (Diretor Técnico/ADEL) e Jeânia Rogério (Agente de desenvolvimento/BNB) apresentaram o arranjo institucional criado no Médio Curu pela ADEL, BNB, ACRIA e demais parceiros para a organização e estruturação da cadeia produtiva da caprinovinocultura da Microrregião. Foi possível concluir a partir das discussões do evento que o Médio Curu apresenta um arranjo institucional promissor e um ambiente favorável para o desenvolvimento da cadeia produtiva da caprinovinocultura.
Essa ambiência é fruto do trabalho realizado pela ADEL e BNB na microrregião, que há dois anos vem desenvolvendo ações essenciais nos primeiros elos da cadeia produtiva.
Essas ações dizem respeito à organização dos produtores que atualmente já são cinco grupos produtivos, os quais agregam 115 produtores; produção e conservação de alimento, mais de 60 silos cinchos carregado nas pequenas propriedades; capacitação em manejo geral dos rebanhos, entre outras ações isoladas nos demais elos da cadeia, como processamento de carne, comercialização e formação de redes territoriais com a organização de fóruns regionais.
Apesar dos avanços, ainda existe muito que fazer para a organização e estruturação da cadeia produtiva da caprinovinocultura no Médio Curu, pois a cada desafio superado, surge outro. Para Helano Luz, gerente de projeto da ADEL, isso prova, tanto que o arranjo está dando certo como é necessário agregar mais parceiros comprometidos com o crescimento desta atividade de grande interesse social e econômico para o semiárido.
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *