ADEL PROMOVE DIA DE CAMPO SOBRE IMPLANTAÇÃO E MANEJO DE CAPINEIRA EM TEJUÇUOCA

A ADEL realizou no dia 4 de julho um dia de campo com os produtores de caprinos e ovinos de Tejuçuoca. Esta atividade faz parte do projeto “Alimentação de caprinos e ovinos com silagem e feno em Unidade de Confinamento Comunitária”, realizado em parceria com a Associação dos Criadores de Tejuçuoca (ACRIA) e Associação Comunitária dos Agricultores de Canafistula (ACAC) e financiado pelo Banco do Nordeste do Brasil (BNB) e Prefeitura Municipal de Tejuçuoca.

Durante o dia foi discutido a importância da alimentação para a caprinovinocultura e contou com a participação do Prof. de Forragicultura e Pastagem da Universidade Federal do Ceará, Dr. Magno Candido. O evento ocorreu na comunidade de Boqueirao da Alegria em Tejuçuoca.

Com o objetivo de orientar produtores sobre as práticas de formação e manejo de capineira, foi realizada uma visita as propriedades dos ovinocaprinocultores, Manoel Araújo e Wanderley Braga.

Na ocasião, os produtores tiveram a oportunidade de tirar suas duvidas e conhecer aspectos importantes sobre as espécies forrageiras, formação e manejo de capineira e conservação de forragem.

Oferecer uma alimentação adequada para os caprinos e ovinos é de fundamental importância tanto do ponto de vista nutricional quanto econômico. De maneira geral, a alimentação do rebanho representa de 40 a 60% ou até mais do custo total de produção. Por isso, a redução dos gastos com alimentação tem impacto direto no preço final da carne caprina e ovina. O planejamento adequado do manejo nutricional do rebanho evita gastos desnecessários e maximiza os lucros do produtor. Para Helano Luz, engenheiro agrônomo e coordenador técnico da ADEL, uma alimentação eficiente é importante para obter o melhoramento do rebanho e o sucesso dos produtores.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *