Adel realiza segunda edição do PJER Diversidade

A Agência de Desenvolvimento Econômico Local (Adel) realizará mais uma edição do Projeto Diversidade e Empreendedorismo de Jovens Rurais. Vinte (20) jovens LGBTQ+ de cinco municípios do território do Vale do Curu (Pentecoste, Apuiarés, Tejuçuoca, Paracuru e São Gonçalo do Amarante) serão beneficiados. O Projeto faz parte das ações do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) e conta com apoio do Itaú e da Mais Diversidade.

O PJER Diversidade tem como intuito formar e assessorar esses jovens para criarem e darem início ao desenvolvimento de seus projetos de negócios e/ou de impacto social em suas comunidades. O principal objetivo é promover a inclusão socioprodutiva de jovens LGBTQ+ a partir da ampliação de suas capacidades, do aproveitamento de sua resiliência, de suas potencialidades e vocações. Esses jovens serão, também, orientados e assistidos para integrar redes territoriais e para iniciarem um processo de formação como lideranças e protagonistas locais. Para que sejam agentes de transformações estruturantes na cultura de empreendedorismo no território.

Para a Diretora de Programas da Adel, Aurigele Alves, a formação de uma rede de jovens empreendedores LGBTQ+ no território contribuirá para a criação de referências positivas, para que outros jovens locais se sintam estimulados para realizarem em seus projetos de vida. “Estamos felizes em continuar esse importante trabalho que iniciamos em 2019. Ampliar essa parceria com o Itaú e a Mais Diversidade, significa também expandir as possibilidades de fortalecer e reconhecer que existem espaços para a diversidade no meio rural”, ressalta.

Em 2019, a Adel beneficiou 25 jovens rurais LGBTQ+ pelo PJER Diversidade. Esses jovens elaboraram projetos de negócios e/ou de impacto social em suas comunidades, com enfoque em empoderamento, desenvolvimento local e inclusão socioprodutiva.

Jovens que participaram da primeira edição do PJER Diversidade

Carla Lima, Mulher Trans beneficiada pelo Projeto, comenta que os três meses de formação foi um período muito construtivo, ela elaborou um novo plano de negócio, adquiriu muitos conhecimentos e fez novos amigos. “A Adel nos proporcionou algo além da formação, a enxergar mais longe. Sem falar do papel social que a organização tem de incentivar e trazer um curso voltado para o público LGBTQ+ que clama por oportunidades como essa. Tive a chance de me redescobrir e reconhecer que sou uma mulher trans, resiliente e empreendedora de sucesso”, comemora Carla que possui um salão de beleza.

Sobre o Projeto

O Projeto Diversidade e Empreendedorismo de Jovens Rurais trata-se de uma estratégia de fomento ao desenvolvimento de empreendimentos de negócios e de impacto socioambiental em meio rural, no contexto do semiárido do Nordeste brasileiro, aliando o acesso dos jovens beneficiados a conhecimentos, crédito, redes colaborativas e tecnologias.

Inicialmente os jovens participam do curso Empreendedorismo e Protagonismo Social, que busca contribuir na elaboração e amadurecimento das ideias de empreendimentos, a partir das vocações e competências de cada jovem. O curso conta com oficinas sobre diversos temas, tais como empreendedorismo, desenvolvimento local, educação financeira e comunicação e marketing.

No cenário de forte hostilidade em que jovens rurais LGBT+ estão inseridos, a aliança entre empreendedorismo e protagonismo social cria alternativas reais de trajetórias para mobilidade social positiva e garantia de liberdades fundamentais.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *