Assistente de comunicação da Adel é um dos selecionados de prêmio internacional de fotografia

Registro feito por Elionardo Oliveira e selecionado para a exposição online do concurso.

O fotógrafo e Assistente de Comunicação da Adel, Elionardo Oliveira, teve sua foto selecionada no concurso “Juventude e Desenvolvimento Rural”. Nos meses de outubro a dezembro de 2019, mais de 80 jovens da América Latina e Caribe enviaram imagens que retratavam momentos de intenso trabalho no campo, celebrações, paisagens rurais e compartilhamento de conhecimentos tradicionais. Na primeira etapa, dez participantes tiveram suas fotos classificadas para a final e exibidas em uma exposição online. Dentre os escolhidos estavam representantes da Colômbia, Nicarágua, México, Argentina e Peru. Após essa fase, os finalistas participaram de treinamentos e workshops virtuais sobre fotografia e audiovisual durante o primeiro semestre deste ano.

A foto finalista do Elionardo, que teve como título “Empreendedorismo e Inclusão da População Negra”, foi realizada na comunidade de Coité Pedreiras, no município de Caucaia. A imagem mostra a realidade de João Paulo de Almeida, de 31 anos, como representante da população negra e empreendedora rural, que enfrenta os desafios da inclusão no mercado de trabalho, mas que, mesmo em um cenário hostil, consegue exercer o papel de protagonista na contribuição da economia local. Atualmente, o agricultor realiza o plantio de hortaliças, como por exemplo, coentro, cebolinha, alface e cenoura.

Além da exposição e das atividades avaliativas, os finalistas produziram uma proposta audiovisual de um minuto, com temática livre que retratasse a realidade local de suas comunidades, e que inserisse nas produções os conhecimentos adquiridos nos workshops. Neste mês de agosto, foram avaliados todos os curtas seguindo os critérios de criatividade, qualidade do conteúdo, poder de síntese, fotografia, qualidade técnica, som e narrativa.

O vídeo do projeto final de Elionardo, bit.ly/2EBH7l7, traz a temática “Inclusão digital escolar em tempos de crise”, e mostra a realidade vivida por duas personagens do município de Tejuçuoca, no Ceará.

No total, os três vídeos vencedores do concurso foram os do Elionardo Oliveira, do Brasil, Hazell Flores, da Nicarágua, e, Nicolas Cabrera, da Argentina. Para a entrega da premiação, que é um certificado de reconhecimento internacional, os autores selecionados participarão de um evento que pode ser em Cuiabá, no Brasil, (previsto para março de 2021, podendo sofrer alterações de acordo com a evolução da pandemia na região) ou do evento de encerramento em Bogotá, na Colômbia, (previsto para junho ou julho de 2021, também passível de alteração). Todos os custos serão pagos pelo Prêmio.

Elionardo Oliveira, fotografar o sertão Nordestino está entre as atividades do jovem assistente, único selecionado do Brasil no concurso.

“Estou muito feliz pela oportunidade e por ser um dos vencedores. O FIDA buscava imagens de jovens rurais com foco em soluções inovadoras e as ações que acompanho na Adel me ajudaram bastante a fazer registros retratando essa temática”, explica Elionardo.

Sobre o concurso

O concurso acontece no âmbito do Prêmio Juventude Rural Inovadora na América Latina e no Caribe, iniciativa do Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA), que busca identificar, premiar e promover ações inovadoras lideradas por jovens na região. O FIDA é uma instituição financeira internacional e uma agência especializada das Nações Unidas com sede em Roma. No total, já foram destinados US$ 18,5 bilhões em doações e empréstimos com juros baixos a projetos que beneficiaram cerca de 464 milhões de pessoas.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *