Adel conclui Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios

Na próxima semana (27/06 à 01/07), os jovens do Programa Jovem Empreendedor Rural participam do último módulo do Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios e apresentam aos pais, parceiros e comunidade seus Planos de Negócios.

O Plano de Negócio é um instrumento de gestão e marketing que faz parte da grade curricular do programa e que ao longo dos quatro meses do Curso os jovens são orientados e direcionados para escrevê-lo.

Após estudarem diversos eixos temáticos, como: Inovação, Gerenciamento de Riscos, Logística de Comercialização, Boas Práticas de Produção e Escala de Negócio, os jovens estão aptos a ingressar na segunda etapa do Programa, que é o acesso ao crédito para empreenderem.

A Adel acredita que esta segunda etapa do Programa é extremamente positiva. É o momento em que os jovens recebem apoio financeiro e assessoria técnica para colocar em prática suas ideias empreendedoras.


Durante o Curso, a equipe de formação da Adel e colaboradores externos discutem com os jovens a importância do planejamento e os desafios de empreender. Mirlânia Lima, graduanda em contabilidade, sócia e integrante do Conselho Administrativo da Adel, esteve nos dias 06 e 07/06, ministrando uma oficina sobre planejamento financeiro.

O planejamento financeiro é uma ferramenta de gestão muito útil para os jovens empreendedores, quando aplicada estrategicamente. Gabriela Brito, 21, que pretende abrir um salão de beleza em Matões, Caucaia, ressalta que a oficina esclareceu suas dúvidas sobre a viabilidade financeira do empreendimento.

“O plano de negócio foi algo que todos os jovens foram se apaixonando à medida que cada palavra era escrita, tínhamos muitas dúvidas a respeito. Para a maioria da turma era a parte mais complicada, mexer com número não é algo fácil, ainda mais quando esses números vão revelar o destino do seu negócio. A oficina nos mostrou que números, gráficos, tabelas e outros não eram nenhum bicho de sete cabeças”, enfatiza Gabriela

A conclusão desta etapa de formação do Programa é muito importante para os jovens e a produção do Plano de Negócio é um processo necessário para implementação dos empreendimentos rurais e para o acesso ao Fundo Veredas, estratégia da Adel para apoiar jovens empreendedores rurais.

Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios

O Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios, integra a primeira etapa do Programa Jovem Empreendedor Rural e tem uma carga horária de 720 horas aulas, cumpridas ao longo de 04 meses.

O curso é destinado aos jovens com idade entre 16 e 32 anos, que desejam abrir seu próprio negócio e permanecer no meio rural. Durante a formação os jovens aprendem sobre as características de um empreendedor, elaboram seus planos de negócios e discutem sobre a implantação de seu empreendimento.

Durante a formação, os jovens participam de um conjunto de oficinas e desenvolvem suas capacidades em áreas como associativismo, cooperativismo, protagonismo, lideranças, empreendedorismo, planejamento, administração rural, gestão, técnicas produtivas, alfabetização digital, comercialização, negócios rurais, microfinanças, agregação de valor, cadeias produtivas, sustentabilidade ambiental, governança e participação em redes, arranjos produtivos locais (APLs) e plano de negócio.

Este ano, a Adel ministrará duas turmas do Curso. A primeira encerra as atividades no dia 01 de julho e a segunda será selecionada nos próximos meses. O Programa Jovem Empreendedor Rural da Adel conta com o apoio do Instituto Carrefour, Manos Unidas, Instituto Oi Futuro, Fundação Interamericana, Fundo Caixa Socioambiental e Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante, e, com o patrocínio da Petrobras para realização do programa.

Adel realiza formação com jovens empreendedores rurais

Ontem (16/05) a Adel iniciou o quarto módulo do Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios do Programa Jovem Empreendedor Rural no Centro de Formação do Jovem Empreendedor Rural, em Sororoca/São Gonçalo do Amarante.
Vinte e nove jovens de seis municípios cearenses – São Gonçalo do Amarante, Caucaia, Umirim, Paracuru e Apuiarés, participam desde março do Programa com o objetivo de aprender sobre empreendedorismo e implantar seu próprio negócio em sua comunidade.

Os jovens integrantes do Curso pretendem criar empreendimentos não-agrícolas com foco na área gastronômica, eletrônica, vendas e estética; e, empreendimentos agrícolas, na área de avicultura e ovinocultura. 

Jovens no Centro de Formação do Jovem Empreendedor Rural, Sororoca/São Gonçalo do Amarante

Fábio Júnior, 18, residente em Apuiarés, pretende abrir uma Tapiocaria em parceria com a mãe Célia Maria, 40. A venda será feita em um carrinho em lugares e horários estratégicos. A jovem Brena Kézia, 26, de Umirim, relata que entrou no Programa com o desejo de abrir uma lanchonete, mas mudou de ideia durante a formação, pois percebeu outras oportunidades.

“Lanchonete era meu foco, mas compreendi depois do estudo de mercado no curso que não era viável, então decidi investir em algo que já trabalhava, mas não enxergava como uma oportunidade, que era fotografia. Fazia muitos bicos na área, mas nunca pensei que poderia ser um negócio, agora sei e vou investir nesta ideia”, conta Brena.

Assim como Fábio Júnior e Brena, ambos os jovens estão analisando o mercado e decidindo qual área empreenderem. A cada módulo do curso, os jovens se especializam mais sobre a escrita do seu plano de negócio e percebem as oportunidades existentes.

Jovens apresentando suas ideias empreendedoras

Esta semana os jovens estudam sobre Matemática Financeira, Contabilidade e Gestão de Custos com a finalidade de planejar o orçamento do empreendimento. Eles também compartilham seus saberes e ideias empreendedoras com os jovens Tupigá – Arlesson, 21 e Florian, 18, da ONG Casa do Rio que estão no Ceará para conhecer as experiências da Adel e do Programa Jovem Empreendedor Rural.

Na próxima quinta-feira (19/05) o empreendedor social Thiago Cavalli e a Designer de Produtos Luly Viana realizam a oficina de empreendedorismo e cadeia da moda sustentável para a turma. A ideia é apresentar aos jovens o projeto Teçume, iniciativa desenvolvida pelo grupo com sete artesãs na comunidade Santa Izabel, no município de Careiro Castanho/Amazonas.

Ainda esta semana, a economista Raquel Ferreira da Adel, discutirá com os jovens o modelo de plano de negócios utilizado pelo Fundo Veredas, iniciativa da Adel para apoiar financeiramente empreendimentos de jovens empreendedores rurais.

Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios

O Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios, integra a primeira etapa do Programa Jovem Empreendedor Rural e tem uma carga horária de 720 horas aulas, cumpridas ao longo de 04 meses.

Fábia Oliveira, monitora educacional, e os jovens do Programa Jovem Empreendedor Rural

O curso é destinado para jovens com idade entre 16 e 32 anos, que desejam abrir seu próprio negócio e permanecer no meio rural. Durante a formação os jovens aprendem sobre as características de um empreendedor, elaboram seus planos de negócios e discutem sobre a implantação de seu empreendimento.

Nesta quarta semana presencial do Curso, entre os dias 16 e 20 de maio, os eixos temáticos são: Matemática Financeira; Contabilidade e Gestão de Custos. Ao final deste módulo, os jovens começam a desenvolver o plano orçamentário dos seus negócios.

Este ano, o Programa Jovem Empreendedor Rural da Adel conta com o apoio do Instituto Carrefour, Manos Unidas, Instituto Oi Futuro, Fundação Interamericana, Fundo Caixa Socioambiental e Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante, e, com o patrocínio da Petrobras para realização do programa.

Programa Jovem Empreendedor Rural beneficia jovens de seis municípios cearenses

Neste primeiro semestre de 2016, mais trinta jovens de seis municípios cearenses – Apuiarés, Pentecoste, Paracuru, Umirim, Caucaia e São Gonçalo do Amarante são beneficiados pelo Programa Jovem Empreendedor Rural.

Morando em comunidades diversas, as 22 meninas e os 08 meninos que ingressaram no programa compartilham o sonho de tornar-se um empreendedor. Ser referência em suas comunidades é o desejo da maioria que conheceu o programa a partir de um outro jovem empreendedor do território que se fixou na comunidade e tem sua autonomia financeira.

O Programa Jovem Empreendedor Rural, tecnologia social desenvolvida desde 2009 pela Adel já beneficiou cerca de 650 jovens de 45 comunidades no semiárido cearense. Com o objetivo de apoiar jovens de comunidades rurais na criação e no fortalecimento de pequenos negócios em suas propriedades, o programa tem gerado novas perspectivas para a juventude que vive no meio rural.

A estratégia de atuação do programa consiste no desenvolvimento de quatro componentes: acesso ao conhecimento por meio do Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios; acesso a microcrédito, através do Fundo Veredas; participação em redes colaborativas; e, acesso as tecnologias de informação e comunicação (TICs). Significa uma oportunidade para a juventude rural que quer empreender e precisa de apoio para implementar sua ideia.

Tales Rilton, assessor de formação da Adel (à direita), jovens do programa e Luiz Barreto, colaborador externo (à esquerda)
Cada jovem que ingressa no Programa Jovem Empreendedor Rural pode acessar os quatro componentes e contam com o apoio da equipe da Adel para que possam iniciar e desenvolver seus empreendimentos – agrícolas (atividades das cadeias produtivas da agricultura familiar) ou não-agrícolas (prestação de serviços e atividades produtivas que não envolvem práticas de agricultura).

Os jovens que ingressaram este semestre no programa, a maioria deseja criar empreendimentos não-agrícolas com foco na área gastronômica, eletrônica, vendas e estética. Eles acreditam que este é um mercado promissor a ser explorado no meio rural. São serviços necessários à população e apenas disponibilizados nos grandes centros urbanos.

Alessandra Felix de Sousa, 19, reside na comunidade Queimadas, distante 30 km da sede de São Gonçalo do Amarante, pretende abrir uma loja de roupas. “O local mais próximo que disponibiliza estes produtos fica a uns 5km, muitos moradores não têm transporte e optam sempre pela acessibilidade das sacoleiras, minha mãe é uma e pode me dá todo o suporte no desenvolvimento do meu negócio”, afirma.

Este ano, a Adel conta com o apoio do Instituto Carrefour, Manos Unidas, Instituto Oi Futuro, Fundação Interamericana, Fundo Caixa Socioambiental e Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante, e, com o patrocínio da Petrobras para realização do programa.

Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios

O Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios, integra a primeira etapa do Programa Jovem Empreendedor Rural e tem uma carga horária de 720 horas aulas, cumpridas ao longo de 04 meses. No curso, os jovens aprendem sobre as características de um empreendedor, elaboram seus planos de negócios e discutem sobre a implantação de seu empreendimento.

Álvaro Neto, colaborador externo, ministrando a oficina de associativismo e cooperativismo

Na primeira semana presencial do Curso, que ocorreu entre os dias 14 e 18 de março, os eixos temáticos estudados foram: Noções de gestão ambiental e empreendedorismo; Associativismo; Cooperativismo; Liderança; Habilidades Interpessoais e Negócios rurais sustentáveis.

Após a semana de estudos, os jovens foram orientados a compartilhar com a família sua ideia empreendedora e fazer um diagnóstico local das oportunidades. A finalidade é analisar qual a viabilidade de realizar seus empreendimentos.

A Adel acredita que este momento com a família é primordial para o jovem aprimorar suas ideias com os pais e a cada formação apresentar com clareza o propósito do empreendimento. Na segunda semana presencial que inicia hoje (04/04) e segue até sexta-feira, os assessores técnicos estarão discutindo com os jovens quais são as oportunidades de mercado viáveis.


Visitas de estudos

Durante o Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios acontece a cada módulo visitas de estudos a outros jovens empreendedores do programa. Na primeira semana presencial do Curso, a turma visitou o empreendimento “Agricultura do Vale” dos jovens empreendedores Vitor Esteves e Rayssa Duarte.

O empreendimento “Agricultura do Vale”, localizado na comunidade Boca da Picada, São Gonçalo do Amarante, consiste na produção de hortaliças, frutas, grãos, ovinos, galinha caipira, abelhas, gado e produção de adubo orgânico. Tem como propósito valorizar a agricultura familiar e suas práticas agrícolas beneficiando jovens e agricultores do território.

“Agricultura do Vale”, Boca da Picada, São Gonçalo do Amarante/CE (Foto: Divulgação Fanpage Empreendimento)

Durante a visita, Vitor e Rayssa apresentaram o empreendimento, os desafios enfrentados quanto a abertura, manutenção e comercialização dos produtos, enfatizando quais as estratégias utilizadas para superar esses desafios.

Com isso, os jovens conheceram na prática os desafios de empreender e o quanto devem ser ousados e persistentes para alcançar seus objetivos. Na visita, eles tiveram contato com experiências agrícolas e não-agrícolas. Rayssa além de colaborar com Vitor nas atividades do Sítio, trabalha com artesanato.

Segundo Tales Rilton assessor de formação da Adel, o primeiro contato dos jovens com o programa é fantástico.” Os jovens ficam super empolgados com as temáticas do curso e a forma como os conteúdos são trabalhados. Ao final da primeira semana todos estavam muito felizes por terem enxergado muitas oportunidades que até então não haviam constatado. Essas mudanças trouxeram mais esperança, percebi isso nos relatos do último dia. Tudo isso nos inspira ainda mais a buscar mais conhecimentos para compartilhar com a turma”, ressalta.

Jovens durante conversa com Vitor e Rayssa no Sítio Agricultura do Vale

PJER finaliza atividades de formação

No dia 04 de dezembro, a Adel encerrou as atividades do Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios, desenvolvido pelo Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER), em São Gonçalo do Amarante, Ceará.

A cerimônia de encerramento e entrega de certificados aconteceu no Centro de Formação do Jovem Rural, em São Gonçalo do Amarante. Estiveram presentes os 26 jovens que participaram da formação, os pais e parceiros do Programa.

Durante a cerimônia, Tales Rilton, assessor de formação da Adel, Álvaro Neto, Seplatec – SGA, Adriano Batista, diretor executivo da Adel e a Sra. Patrícia, representando os pais, enfatizaram os desejos que todos possam implementar os seus projetos.

Jovens e participantes do evento

O curso desenvolvido pela Adel teve duração de quatro meses e abordou os temas associativismo, cooperativismo, protagonismo, liderança, empreendedorismo, administração rural, gestão, técnicas produtivas, comercialização, negócios rurais, microfinanças, agregação de valor, cadeias produtivas, sustentabilidade ambiental, governança, participação em redes, arranjos produtivos locais (APLs) e plano de negócio.

Após a conclusão do curso, os jovens recebem apoio técnico e gerencial em campo para implementarem seus planos de negócios e iniciarem seus empreendimentos. Espera-se que todos os empreendimentos tenham êxito e, em breve, aumente a rede de empreendedores do território.

No evento de encerramento do curso, os jovens prestaram seus agradecimentos a Adel e as entidades parceiras através de apresentações, depoimentos e música. Uma das jovens, Thais Oliveira, não conseguiu conter as lágrimas.

Segundo Thais o PJER foi uma grande oportunidade para a sua vida, um espaço de aprendizagem e de muitas amizades. ” Melhor do que ganhar presentes de aniversário, é ser lembrado por pessoas. Melhor ainda, é ser surpreendida por pessoas que lembra da gente, sem exigir nada”, enfatizou.

Thais Oliveira e Hélica Sales, jovens formandas apresentando uma homenagem a turma.

O Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) é desenvolvido pela Adel com o patrocínio da Petrobras, apoio da Fundação Interamericana (IAF), Oi Futuro e da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante.

Adel finaliza atividades do Programa Território Empreendedor

Na última sexta feira, 27/11, a Adel realizou o encerramento das atividades do Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios do Programa Território Empreendedor em São Gonçalo do Amarante.

O Programa atuou nos municípios de São Gonçalo do Amarante, Caucaia e Paracuru desde o ano de 2014. Como o objetivo de construir uma cultura empreendedora no território, a Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) em parceria com a BrazilFoundation, Adel e Acreditar realizaram o projeto Território Empreendedor no âmbito do Programa Interagir.

Ivanelson Melo, assessor de formação da Adel, Wagner Gomes, gerente de relações institucionais da Adel, Tennyson Dantas, CSP, Alberto Teixeira, Seplatec – SGA e Sra. Lucivanda, mãe de jovem formado. (da esquerda para direita)

A Adel com sua tecnologia social atuou junto aos jovens empreendedores rurais dos respectivos municípios durante estes últimos dois anos. Foram mais de 2000 mil jovens mobilizados, cerca de 480 jovens inscritos, 128 jovens selecionados, aproximadamente 110 jovens formados, 38 jovens com negócios em implantação e desenvolvimento, e pelo menos outros 15 novos serão criados.

Luana Araújo, jovem formada e Tennyson Dantas, CSP.

“Foram até aqui 23 meses de muito aprendizado, troca de conhecimento, amizades construídas, vínculos estabelecidos, parcerias fortalecidas, sonhos realizados e esperanças renovadas. Agradecemos a parceria com a Brazilfoudation e Acreditar, o apoio e a credibilidade da CSP e sobre tudo a aceitação, confiança e o compromisso das famílias e dos jovens. Por fim agradecemos a toda nossa equipe que deram o seu melhor para que a cultura do empreendedorismo se tornasse concreta e real no território.” Enfatiza Aurigele Alves, gerente de programas da Adel.

Jovens formados
O Programa Território Empreendedor é uma tecnologia social realizada pela Adel, em parceria com a BrazilFoundation, Oi Futuro e Acreditar. Uma ação que faz parte do Programa Interagir da Companhia Siderúrgica do Pecém/CSP que busca criar um ecossistema de empreendedorismo socioeconômico na região do Complexo Industrial e Portuário do Pecém.

Jovens do Programa Território Empreendedor iniciam atividades

Hoje 17/08, a Adel iniciou as atividades da nova turma do Programa Território Empreendedor em São Gonçalo do Amarante.

Trinta e dois jovens dos municípios de São Gonçalo do Amarante, Paracuru e Caucaia participam do primeiro módulo do Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios no Centro de Formação do Jovem Empreendedor Rural, na comunidade de Sororoca, em São Gonçalo do Amarante.


Durante a formação, os jovens irão participar de um conjunto de oficinas para que desenvolvam suas capacidades em áreas como associativismo, cooperativismo, protagonismo, lideranças, empreendedorismo, planejamento, administração rural, gestão, técnicas produtivas, alfabetização digital, comercialização, negócios rurais, microfinanças, agregação de valor, cadeias produtivas, sustentabilidade ambiental, governança e participação em redes, arranjos produtivos locais (APLs) e plano de negócio.

Além dos jovens estiveram presentes na aula inaugural familiares dos jovens, parte da equipe da Adel e parceiros do Programa Território Empreendedor. A mesa de abertura foi composta por Gustavo Sales, CSP; Wagner Gomes, diretor executivo da Adel; Manassés Rocha, coordenador executivo da Acreditar; Álvaro Neto e Alberto Teixeira, ambos da Secretária de planejamento, tecnologia e inovação de SGA; e a Sra. Maria Marineide, representando os pais dos jovens selecionados.

Álvaro Neto, Seplatec – SGA; Manassés Rocha, Acreditar; Wagner Gomes, Adel; Gustavo Sales, CSP; Sra. Maria Marineide, representando os pais dos jovens selecionados e Alberto Teixeira, Seplatec – SGA; (da esquerda para a direita).

O Programa Território Empreendedor é uma tecnologia social realizada pela Adel, em parceria com a BrazilFoundation, Oi Futuro, Acreditar e faz parte do Programa Interagir da Companhia Siderúrgica do Pecém/CSP que busca criar um ecossistema de empreendedorismo socioeconômico na região do Complexo Industrial e Portuário do Pecém.

CEO da Reserva participa do evento de lançamento do projeto Ubuntu da Adel

Ontem a Adel realizou o lançamento do projeto Ubuntu no Centro de Formação em Sororoca, São Gonçalo do Amarante.

O evento contou com mais de 65 pessoas, entre jovens, pais, parceiros, lideranças comunitárias, e do nosso convidado especial Rony Meisler, da Reserva.

 Rony Meisler,CEO da Reserva, é um empreendedor nato que fundou uma das marcas que mais tem ganhado espaço e credibilidade no seu segmento. Rony nos contou sua trajetória incrível debaixo de um típico cajueiro do nosso centro, enfatizando pontos inspiradores para todos os convidados ali presentes.

“Eu já tive a honra de contar a história da Reserva para muita gente bacana e em lugares nos quais jamais sequer sonhei estar, mas desta vez tive mais que um dia especial da minha carreira. A Adel e a Reserva uniram forças para lançar o Projeto Ubuntu, só o projeto já seria emoção demais para o meu coração, o que eu jamais poderia imaginar era que eu contaria a nossa história empreendedora para esses jovens no meio do sertão e embaixo de um cajueiro, dei exemplo para quem poderia me dar aula de vida. Um dos grandes dias da minha vida”. Enfatiza Rony Meisler, CEO da Reserva.
Rony Meisler,CEO da Reserva e Wagner Gomes, diretor executivo da Adel.
O Ubuntu é um projeto de empreendedorismo social que tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento institucional e sustentável das organizações de base dos municípios de Pentecoste, Apuiarés, Tejuçuoca, General Sampaio, Paramoti, São Luís do Curu, São Gonçalo do Amarante e Caucaia.

A proposta do projeto é mapear as organizações, formar os jovens e apoiá-los na execução de suas ações nas organizações sociais. A formação dos jovens intercala períodos de formação presencial, em regime de imersão, com períodos de formação comunitária. Durante a formação comunitária, os jovens estudam e interagem com as suas comunidades, com outros jovens locais e com os dirigentes das organizações sob orientação da equipe da Adel.

O Grupo Reserva é um dos parceiros da Adel na implantação do projeto Ubuntu e desde a campanha Rebeldes com Causa tem colaborado com o trabalho da instituição. Além da Reserva, a Manos Unidas e os Objetivos do Desenvolvimento do Milênio apoiam esta iniciativa.

Jovens do Programa Jovem Empreendedor Rural recebem certificados

A Adel realizou no dia 31 de julho, a cerimônia de entrega de certificados aos jovens que participaram da 2ª turma do Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios, desenvolvido pelo Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER), em São Gonçalo do Amarante, Ceará.

O objetivo do Curso é contribuir para formação de jovens empreendedores no território e para inclusão socioprodutiva nas cadeias de valor da região. A meta do Programa é que após o Curso, os jovens participem do segundo eixo do PJER – o acesso ao crédito orientado.

A cerimônia de entrega dos certificados aconteceu no Centro de Formação do Jovem Rural, em São Gonçalo do Amarante, com presença dos 24 jovens concluintes, pais e parceiros do Programa. Durante a cerimônia, alguns jovens prestaram seus agradecimentos por meio de apresentações e depoimentos.

Sr. Lutif, Petrobras; Alberto Teixeira, Seplatec – SGA, Sra. Fátima, mãe de jovem e Wagner Gomes, diretor executivo da Adel (Da direita para esquerda)


Para os jovens, as aprendizagens do curso foram múltiplas. Além do conhecimento técnico eles destacaram a importância do apoio do Programa. “É muito significativo reconhecermos o valor de cada pessoa aqui presente, aprendemos com cada um, desde amigos, familiares, educadores e colaboradores, nossas homenagens são simbólicas, mas de coração”, enfatiza o jovem Jéssem Barbosa.

Jéssem Barbosa; Clarice de Castro e Rúbia de Castro, jovens formados pelo programa.


“Vivemos muitos momentos que jamais serão esquecidos, o conhecimento adquirido e as amizades construídas são a maior prova de que todo o esforço, dedicação e foco valeu a pena durante este percurso. Agradeço a Deus, minha família, a Adel pela metodologia maravilhosa e todos os parceiros e amigos que contribuíram para estarmos juntos neste momento tão maravilhoso e emocionante. O nosso muito obrigado, a saudades já é nítida em nossas lágrimas”, disse a jovem Clarice de Castro.

Clarice Castro, jovem formada pelo programa.

O Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) é desenvolvido pela Adel com o patrocínio da Petrobras, apoio da Fundação Interamericana (IAF), Oi Futuro e da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante.

Inscrições abertas para o Programa Território Empreendedor

Adel abriu as inscrições para o Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios do Programa Território Empreendedor em São Gonçalo do Amarante.

O Programa Território Empreendedor busca contribuir com o desenvolvimento da produção familiar no campo, através de cursos sobre empreendedorismo e gestão de negócios, acesso a mentoria e assessoria técnica.

As inscrições são gratuitas e acontecem entre os dias 26 de junho à 31 de julho nas Secretarias de Agricultura, Sindicatos de Trabalhadores Rurais (STTR) e lideranças comunitárias dos municípios de São Gonçalo do Amarante, Caucaia, Paracuru ou na sede da Adel em Pentecoste.

O Programa Território Empreendedor é uma tecnologia social realizada pela Adel, em parceria com a BrazilFoundation, Oi Futuro, Acreditar e faz parte do Programa Interagir da Companhia Siderúrgica do Pecém/CSP que busca criar um ecossistema de empreendedorismo socioeconômico na região do Complexo Industrial e Portuário do Pecém.

Maiores informações: 992761255/988738614/992392480.

Entrega de certificados do Programa Território Empreendedor

Adel realizou ontem, na comunidade de Sororoca em São Gonçalo do Amarante a entrega de certificados da 3ª turma do Programa Território Empreendedor.

Jovens formados.

Wagner Gomes, diretor executivo da Adel e Laura Kele, jovem formada.

Durante esta semana vinte e quatro jovens dos municípios de São Gonçalo do Amarante, Caucaia e Paracuru realizaram as atividades do sexto e último módulo do Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios. 

Jovens formados.

Ontem pela manhã, pais, jovens, parceiros e a equipe da Adel celebraram o momento de entrega de certificados e conclusão de curso. 

Ivanelson Melo, assessor de formação da Adel; Álvaro Neto, secretário executivo de planejamento, tecnologia e inovação de SGA; Sra. Terezinha Bezerra, mãe de jovem, Wagner Gomes, diretor executivo da Adel e Gustavo Sales, CSP. (Da esquerda para direita).


“É hora de despedidas, mas também de um novo recomeço, iremos nos separar e seguir caminhos diferentes, mas com a certeza que teremos a experiência e a saudade como sentimentos em comum. Muito sucesso para todos nós jovens empreendedores que persistiu e conseguiu chegar até aqui.” Afirma Francisco Bergson, jovem formado pelo programa. 

Francisco Bergson, jovem formado e Linderson Gomes, jovem formado.


O Programa Território Empreendedor é uma tecnologia social realizada pela Adel, em parceria com a BrazilFoundation, Oi Futuro, Acreditar e faz parte do Programa Interagir da Companhia Siderúrgica do Pecém/CSP que busca criar um ecossistema de empreendedorismo socioeconômico na região do Complexo Industrial e Portuário do Pecém.