Adel recebe Prêmio ODM 2014

No último dia 23 de maio, Wagner Gomes, Diretor Executivo da Adel, recebeu das mãos da própria presidenta Dilma Rousseff, em Brasília, o troféu do Prêmio ODM 2014, um reconhecimento pelo sólido trabalho realizado nos últimos cinco anos de apoio a jovens empreendedores rurais no Médio Curu.

O Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER), tecnologia social desenvolvida pela Adel ficou entre os 30 vencedores da 5ª edição do Prêmio ODM Brasil por contribuir para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio e oportunizar o desenvolvimento de negócios de jovens empreendedores rurais.

Presidenta Dilma entrega Prêmio ODM 2014 a Wagner Gomes (Diretor Executivo Adel)

O Prêmio ODM é uma iniciativa do Governo Federal, em parceria com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Reconhece iniciativas exitosas do Brasil que têm colaborado com a redução da desigualdade social e a construção de um país melhor.

Wagner Gomes, Neto Ribeiro e Aurigele Alves da Adel, celebram com Eliene Brasileiro do Nós Podemos Ceará

Aurigele Alves, que coordena as ações do PJER, destaca a atuação do Programa que vem contribuindo o desenvolvimento econômico e social de diversas comunidades do Médio Curu. “Este prêmio é um marco histórico do programa e nos anima a seguir em frente. Este ano aceitamos o desafio de expandir o PJER para outros municípios e multiplicar ainda mais o número de jovens empreendedores rurais. Agradecemos a todos que acreditam nessa ideia e tem nos apoiado”, enfatiza.

Conquistado por muitas mãos, a Adel compartilha esse reconhecimento com os jovens empreendedores rurais, agricultores familiares, amigos, parceiros e equipe que não mede esforços para colocar em prática os objetivos estratégicos da instituição.

Adel participa do evento Arena da Participação Social

Ontem (21/5) teve início em Brasília, o evento Arena da Participação Social, promovido pela Secretaria Geral da Presidência da República (SG/PR), juntamente com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e o Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade (MNCS).

O evento reúne representantes da sociedade civil, da iniciativa privada, gestores públicos, convidados e autoridades internacionais e nacionais, que debatem sobre a participação social na construção da agenda pautada pelos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio e sobre um novo paradigma de desenvolvimento no pós-2015.

A abertura do evento aconteceu ontem (21/5), às 18h, e contou com a participação de mais de 2.500 pessoas. Na solenidade, estiveram presentes, ministros, chefes da Delegação da União Europeia no Brasil, representantes da ONU, do PNUD, e da sociedade civil, que foi representada pela Gerente de Programas da Adel, Aurigele Alves.

Aurigele Alves (a direita) representa a sociedade civil na solenidade de abertura do evento

Segundo Aurigele o evento é um marco histórico para o país, pois reuni pessoas de diversas regiões do Brasil para pensar estratégias para o desenvolvimento sustentável. “A arena da participação social é um espaço de construção, de vitória e, sobretudo de celebração das metas alcançadas pelos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM). A Adel sente-se muito feliz em fazer parte dessa conquista e de representar todas as organizações da sociedade civil que concorreram ao Prêmio ODM”, enfatiza.

O evento segue até amanhã (23/5), quando será realizada a cerimônia de premiação da 5ª Edição do Prêmio ODM Brasil, o qual a Adel é vencedora, com a iniciativa do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER). Participam do evento representando a Adel, Wagner Gomes (Diretor Executivo), Mirlania Lima (Diretora Financeira), Aurigele Alves (Gerente de Programas) e Neto Ribeiro (Articulador da Rede Jovem Empreendedor Rural).