Equipe do Fundo Veredas analisa Projetos de Negócios

veredas

Jovens egressos do Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios

Ontem (17/08), a equipe do Fundo Veredas iniciou a análise dos Projetos de Negócios dos jovens empreendedores rurais que participaram do Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios da Adel no último semestre.

Quinze jovens de seis municípios cearenses – São Gonçalo do Amarante, Caucaia, Umirim, Paracuru e Apuiarés, apresentaram seus Projetos de Negócios ao Fundo Veredas com o intuito de obter apoio financeiro para implantar suas ideias na comunidade.

Após a análise da equipe, que segue até amanhã (19/08), e é composta pela apreciação técnica do Projeto de Negócio e o aval da vizinhança, será realizado a pactuação com os jovens nos dias 24 e 25/08, na sede da Adel em Pentecoste e no Centro de Formação do Jovem Empreendedor Rural em Sororoca, São Gonçalo do Amarante, respectivamente.

Raquel Ferreira, Coordenadora do Fundo Veredas, ressalta que esta etapa é fundamental para implementação dos empreendimentos. “Os jovens que buscam o Fundo Veredas nos mostram o quanto desejam fazer a diferença em suas comunidades. Ao preencher a ficha deles percebemos de fato que eles querem dar novos passos para realizar seus sonhos e se tornar empreendedores”.

A Adel entende que o aval da vizinhança é essencial na análise dos projetos. O apoio da comunidade e família é fundamental para os jovens vencer os desafios que surgirão na implementação dos seus empreendimentos.

Raquel Ferreira (Coordenadora do Fundo Veredas) e Marcosuel Bastos (Agente de Crédito)

Raquel Ferreira (Coordenadora do Fundo Veredas) e Marcosuel Bastos (Agente de Crédito)

Acesso ao Fundo Veredas 
O Fundo Veredas é uma estratégia da Adel para apoiar a abertura e o desenvolvimento de empreendimentos de jovens empreendedores rurais, com o intuito de promover a inclusão socioprodutiva de jovens e contribuir para o desenvolvimento local.

Atualmente, os recursos do Fundo Veredas são destinados aos jovens com idade entre 18 e 32 anos, com residência em um dos municípios de atuação da Adel; e, egressos do Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios promovido pelo Programa Jovem Empreendedor Rural da Adel.

Ao participar do Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios os jovens são motivados a elaborarem seus Projetos de Negócios e colocar em prática suas ideias empreendedoras. Mas, muitos jovens apresentam como desafio a falta de recursos financeiros para investir no empreendimento.

Raquel Ferreira (Coordenadora Fundo Veredas) e as jovens Juvelina Xavier e Gabriella Brito (da esquerda para direita)

Raquel Ferreira (Coordenadora Fundo Veredas) e as jovens Juvelina Xavier e Gabriella Brito (da esquerda para direita)

Desse modo, o Fundo Veredas viabiliza a continuidade dos jovens no Programa Jovem Empreendedor Rural possibilitando o acesso aos recursos financeiros e assessoria aos empreendimentos.

Segundo o Diretor Executivo da Adel, Adriano Batista, o Fundo Veredas possibilita que a juventude rural coloque suas ideias em prática. “O Fundo Veredas impacta positivamente a vida de um jovem que tem uma ideia, elaborou um projeto de negócio, precisa e desejar pôr em prática. Através do acesso ao crédito, nós reforçamos para os jovens que acreditamos no seu potencial e queremos contribuir efetivamente para o desenvolvimento econômico local do nosso território”.

Jovens beneficiados

O acesso ao crédito é na maioria das vezes, o ponto de partida para realização dos sonhos de muitos jovens beneficiados pelo Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER). A formação direciona na escolha e na sistematização de ideias para abrir o negócio dos mesmos e o crédito ajuda na concretização destes planos.

Através do Fundo Veredas, cerca de 140 jovens do Território implentaram projetos e novos empreendedores já sonham em colocar em prática sua ideia. A jovem Brena Késia, 26, mora em Umirim e pretende criar uma panificadora. “Estou bastante ansiosa para acessar o crédito e investir, é uma oportunidade que estava buscando para melhorar minha vida”.

Raquel Ferreira (Coordenadora Fundo Veredas) e o jovem Ricardo Rodrigues

Raquel Ferreira (Coordenadora Fundo Veredas) e o jovem Ricardo Rodrigues

O jovem Ricardo Rodrigues, 25, da comunidade de Catuana, Caucaia, pretende ampliar sua venda de frutas através do acesso ao Fundo Veredas. “Acessar o crédito do Fundo Veredas irá me colocar dentro do mundo dos negócios, enxerguei isso na formação e agora quero colocar em prática e desenvolver ainda mais”.

Este ano, a Adel pretende através do Fundo Veredas beneficiar mais 60 jovens do Território e possibilitar com o apoio dos parceiros o surgimento de novos negócios. A Adel conta com o apoio do Instituto Carrefour, Manos Unidas, Instituto Oi Futuro, Fundação Interamericana e Fundo Caixa Socioambiental para execução desta estratégia.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *