Jovem investe em formação e desenvolve empreendimento familiar

Brena e seus pais, Mário Carlos e Benedita Teixeira

Brena Castro, 20, reside em Venâncio, localidade com pouco mais de cem famílias, distante cerca de 38 km do município de Tejuçuoca no interior do Ceará. Filha mais nova de quatro irmãos, Brena cresceu cercada por empreendedores. Seus pais, Mário Carlos e Benedita Teixeira, trabalham há muito tempo com a produção e venda de queijos na comunidade, atuam também na agricultura familiar e em outros trabalhos externos. Já seus irmãos sempre gostaram de trabalhar com vendas, em diferentes segmentos, seja no comércio ou na prestação de serviços.

Brena nasceu e cresceu no meio rural e desde muito jovem ajudava nas atividades de casa, principalmente na agricultura. Aos cinco anos já acompanhava a família nas plantações de lavouras. Bastante ativa, adorava brincar no campo e ficar próxima aos animais. “Eu adoro residir no campo, quando viajo já fico ansiosa para voltar. Cresci aqui, me identifico com tudo isso, é algo de dentro. Gosto tanto do meio rural, dos animais, principalmente de cavalos, temos oito em nossa propriedade. Em especial a minha égua, chamada Lora”, relata a jovem com entusiasmo.

A produção de queijo e derivados era algo constante, Brena e os irmãos ajudavam os pais de diferentes formas. As tarefas eram divididas entre aqueles que vendiam, os que embalavam e Brena sempre gostou de divulgar o trabalho da família. Ela já se identificava com algo que até então era involuntário e alguns anos depois seria o principal suporte que a jovem daria na gestão do negócio familiar.

Durante sua juventude, Brena almejava ser veterinária e acreditava que através desse sonho poderia ajudar todos os animais que tanto gosta. Muito participativa, sempre se destacava em tudo que fazia. “A Brena era muito calma, mas estava no meio de tudo. Os professores elogiavam sobre sua coragem e dedicação. Ficava orgulhosa dela”, enfatiza sua mãe, Benedita.

Ao concluir o ensino médio, em 2015, Brena prestou vestibular e cursou seis meses a faculdade de administração. Infelizmente não continuou com a formação por não visualizar sua inserção no mercado de trabalho permanecendo em sua comunidade. No mesmo ano prestou outro vestibular e ingressou no curso de pedagogia.

Venâncio possui bastante jovens, Brena sempre participou de grupos e atividades religiosas, pastorais da juventude, corais, mobilizações festivas etc. Em 2016 resolveu integrar a Associação de Inclusão Social e Agropecuária do Sítio Venâncio e passou a frequentar as reuniões para se informar sobre os projetos e novidades da comunidade.

O empreendedorismo e o protagonismo de jovens

Em setembro de 2017, Brena estava na associação quando conheceu o Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) da Adel através de uma divulgação do Secretário de Agricultura do município. No mesmo momento a jovem ficou interessada e decidiu se inscrever. No segundo semestre do mesmo ano ela ingressou no Programa e passou a fazer o Curso de Empreendedorismo e Protagonismo Social em Pentecoste, conciliando a formação com suas demais atividades.

Durante quatro meses a jovem participou da formação do PJER e adquiriu novos conhecimentos. “Antes eu não pensava em empreender, depois que participei da formação passei a enxergar com outros olhos. Tive algumas dificuldades no início, mas meus pais, amigos e professoras incentivaram a continuar e me ajudaram. Lá desenvolvi um plano de negócio voltado para o marketing do empreendimento da minha família. Todo mundo aqui em casa gostou” destaca Brena.

Após concluir o curso, Brena investiu no plano elaborado durante a formação e começou a colher bons frutos. “Fizemos peças gráficas, logomarcas e materiais de comunicação para trabalhar o marketing do negócio. Percebemos que após a divulgação ganhamos mais respeito, seriedade e isso é muito importante” afirma. Também ainda em 2017, Brena se inscreveu e passou para o Instituto Federal do Ceará – Campus Umirim, atualmente é técnica em agropecuária e utiliza seus conhecimentos para atuar na gestão de sua propriedade junto ao pai.

A jovem planeja concluir sua faculdade de pedagogia e iniciar outra formação voltada para a área de marketing, produção e gestão. Brena  pretende escoar seus queijos e derivados para outras cidades e futuramente abrir uma pequena fábrica para melhorar e aumentar a produção.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *