Jovem aposta na venda de frutas e verduras fresquinhas na comunidade

Ricardo Rodrigues de Sousa, 25, reside na comunidade de Catuana, Caucaia. Filho de Raimunda Soares e Antônio Rodrigues, é o mais velho de dois irmãos. Integrante do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) desde 2016, Ricardo enxergou na área de vendas a oportunidade de empreender e também colaborar com o desenvolvimento da sua comunidade.

A distância da comunidade de Catuana, onde Ricardo vive, do Centro da cidade de Caucaia é estimado em 29Km e com isso torna-se inviável para a maioria dos moradores comprar produtos alimentícios em Caucaia. Além dos custos de deslocamento, existe as dificuldades de logística.

A compra de frutas e verduras fresquinhas por exemplo torna-se impossível. Pensando nesta comodidade para as famílias e seguindo a mesma ideia da sua mãe que trabalha com vendas de porta em porta, Ricardo começou a trabalhar com as vendas de frutas e verduras na comunidade.

Ricardo Rodrigues durante vendas na comunidade de Catuana

Semanalmente, ele equipa um carrinho de mão de frutas e verduras e vende para os moradores. Antes de enxergar esta atividade como um Projeto de Negócio, trabalhou auxiliando a mãe nas vendas de cosméticos e roupas, como cobrador de ônibus e em uma oficina mecânica. Destas três experiências, a primeira foi sua inspiração.

“Lembro da minha mãe no seu pequeno comércio que tínhamos quando morávamos em Caucaia, ela também fazia dindin para mim vender em jogos de futebol e outras atividades empreendedoras que se tornaram um inspiração para mim”. A família de Ricardo antes de morar na comunidade de Catuana, tinha em Caucaia um pequeno comércio.

Ricardo cresceu nesse ambiente e aos quinze anos (período que foi morar em Catuana) já pensava em trabalhar para ter sua própria renda e ajudar a família. Mas a comunidade não oferecia muitas oportunidades de trabalho formal e ele ainda estava concluindo o Ensino Médio. Com isso, ele começou a participar de diversos cursos técnicos.

Ricardo ao lado da mãe, D. Raimunda

“Eu fazia cursos para aprender mais, tinha o objetivo de conseguir um emprego, sei que o desejo de ser meu próprio patrão era importante para mim, mas tinha que conseguir ter minha própria renda e depois investir em algo”, enfatiza Ricardo.

Ingresso no Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER)

No ano de 2016, Ricardo soube através de uma amiga das inscrições do Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) da Adel e decidiu se inscrever e investir na oportunidade.

No mesmo ano ele foi selecionado e ingressou na formação. Durante quatro meses se dedicou ao curso e elaborou um Projeto de Negócio com foco na venda de frutas e verduras. Acessou uma linha de crédito do Fundo Veredas da Adel e investiu na compra de frutas e de uma carrinho maior para poder levar mais frutas e gerar mais rentabilidade.

Atualmente, Ricardo vende verduras e frutas fresquinhas para comunidade, ganha mais de uma salário e ajuda sua família. Além das vendas no carrinho, ele comercializa os produtos em casa e discute juntamente com outros jovens empreendedores rurais do território a possibilidade de vender em feiras.

Ricardo é um dos jovens beneficiados pelo Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) desenvolvido pela Adel que está dando uma Nova Cara ao Sertão. Ele enxergou no empreendedorismo a oportunidade para ter o seu próprio negócio, ajudar sua família e oferecer comodidade e produtos de qualidade para comunidade.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *