Jovens de Trairi apresentam seus Projetos de Negócios

Entre 8 e 10 de janeiro, a Agência de Desenvolvimento Econômico Local (Adel) e a Quadran Brasil realizaram o último encontro do Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios Rurais, no município de Trairi/CE. O Curso integra as atividades do Projeto de Formação e Apoio a Jovens Empreendedores e Protagonistas Rurais desenvolvido com jovens que moram no entorno do Complexo Eólico-Solar Serrote da Quadran Brasil no município.

O último módulo do Curso Empreendedorismo e Gestão de Negócios Rurais encerrou com a apresentação dos Projetos de Negócios da turma. No total, vinte e seis (26) jovens apresentaram para a banca avaliadora seus projetos empreendedores. A banca foi composta por Raquel Ferreira, Coordenadora de Projetos da Adel, Aurigele Alves, Diretora de Programas da Adel, Sulamita Holanda, Assessora Socioambiental da Quadran Brasil e Celina Hissa, fundadora da marca Catarina Mina, que realiza o projeto Olê {Rendeiras do Bilro} também em parceria com a Quadran Brasil.

Raquel Ferreira, Sulamita Holanda, Celina Hissa e Aurigele Alves, da esquerda para à direita

A apresentação dos projetos empreendedores dos jovens é um momento muito importante de conclusão da etapa formativa do Projeto. O propósito da banca é apoiar os jovens em suas ideias e apontar melhorias para os projetos. Além disso, permite ao jovem visualizar de forma mais concreta os passos necessários para colocar as ideias em prática.

Segundo Celina Hissa, CEO da Catarina Mina, primeira marca cearense a abrir seus custos de produção, participar da banca avaliadora foi uma oportunidade de aprender com os jovens e de perceber como essa ação da Adel e da Quadran Brasil impacta no desenvolvimento do território. “Às vezes, mais importante do que pensar um impacto para muitas pessoas, é pensar o impacto para poucas e como isso pode ser propagado, como isso pode ser um multiplicador. Uma das coisas mais legais que eu acho desse pensamento que está no curso, que está nesse projeto pra jovens empreendedores é essa ideia do olhar cuidadoso um a um e como isso é também um olhar cuidadoso para o todo”, reforça.

Ezequiel Paixão, 18, pretende montar uma barbearia

Os jovens elaboraram seus projetos de negócios ao longo das nove (9) oficinas formativas do curso e são iniciativas de áreas bastante diversas. Vão desde a marcenaria, artesanato, confecção de roupas, vendas de frutos do mar, designer gráfico, criação de abelhas jandaíra, barbearia, lanchonetes e churrascarias. São projetos elaborados a partir das oportunidades locais e também das expertises de cada jovem.

Carlos Ferreira, 29, reside no distrito Canaã, Trairi/CE, pretende trabalhar com venda de material elétrico. A ideia de negócio de Carlos surgiu a partir da sua experiência como eletricista. “Eu prestava serviços como eletricista e meus clientes não encontravam material de qualidade nos depósitos da região, além de possuírem preços altíssimos. Então a minha ideia é que além de fornecer o serviço, eu possa ter minha própria loja de material elétrico, com produtos de qualidade e preço justo”, reforça.

Sobre o Projeto

O Projeto de Formação e Apoio a Jovens Empreendedores e Protagonistas Rurais finaliza sua primeira etapa com a realização do Seminário de Empreendedorismo e Protagonismo Rural no dia 6 de fevereiro. Nessa fase inicial do Projeto, foram abordados os primeiros passos para empreender. Espera-se que agora os jovens estejam aptos a compreender seus contextos e ambientes de atuação, identificar oportunidades e potencialidades para colocar seus projetos em prática.

A segunda etapa do Projeto compreende o acesso ao crédito e será viabilizado por meio do Fundo Veredas, iniciativa de crédito criada e gerida pela Adel que contará com investimentos da Quadran Brasil.

Este Projeto é uma ação da área de Novos Negócios da Adel e representa a aplicação da expertise desenvolvida pela Adel ao longo dos últimos dez anos em seu Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER), que já beneficiou diretamente cerca de 3 mil jovens de dez (10) municípios cearenses e foi reaplicado em 2019 no Amazonas.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *