Matéria sobre o projeto Empreendedorismo Juvenil e Agricultura Urbana da Adel na ADITAL

No Ceará, projeto
capacita jovens em empreendedorismo em agricultura urbana
Jovens das áreas urbanas dos municípios de Pentecoste e Apuiarés, no
Ceará, estado da região Nordeste brasileira, serão capacitados em agricultura
com o objetivo de gerar emprego e renda. A iniciativa é da Agência de Desenvolvimento Econômico Local
(Adel) através do Projeto Empreendedorismo Juvenil em Agricultura Urbana.

Durante um ano, 80 jovens de 16 a 30 anos de idade, moradores das áreas urbanas
dos dois municípios cearenses, receberão formações e assessorias voltadas para
a produção de hortaliças. A iniciativa é financiada pelo Fundo de Juventude do Programa das Nações
Unidas de Assentamentos Urbanos
(ONU-Habitat) e conta com apoio da Escola Profissionalizante de Pentecoste e com as Prefeituras das duas cidades.

A ação começará em abril de 2012 com o curso “Empreendedorismo em
Agricultura Urbana” ministrado em parceira com a Escola Profissionalizante
de Pentecoste. Wagner Gomes, diretor-executivo da Adel, explica que a intenção
é “fortalecer a agricultura urbana”. Além disso, trabalharão com os
jovens para garantir emprego e renda através da produção agrícola. “Vamos
aproveitar os quintais das casas. Um mapeamento mostrou que os quintais são
grandes, mas subutilizados”, afirma.
A iniciativa ainda
pretende trabalhar a troca de experiências e saberes entre os jovens e a
formação para que eles sejam sujeitos na transformação das comunidades em que
vivem.

“Muitos desses jovens vieram do êxodo rural, moram na periferia desses
municípios. O projeto trabalha com a geração de renda e a inserção desses
jovens como atores do desenvolvimento das comunidades. A expectativa é que eles
sejam futuras lideranças e agentes de transformação”, comenta.


Durante o projeto, os integrantes da iniciativa terão formações técnicas – como
manejo do solo, cultivo de hortaliças e produção de defensivos naturais – e
participarão de fóruns e intercâmbios sobre o assunto, além de assessoria
técnica e familiar

De acordo com Wagner, os participantes ainda serão acompanhados pela Adel
através de outros projetos e programas de apoio ao empreendedorismo. A ideia é
que eles também contem com o apoio do Fundo de Apoio ao Empreendedorismo (FAE)
da Agência para a implantação de Unidades Produtivas de Agricultura Urbana

Outros projetos

A Agência de Desenvolvimento
Econômico Local
(Adel) ainda possui outros projetos e programas voltados ao
empreendedorismo e desenvolvimento local através da agricultura familiar. São
exemplos de programas da Agência: Josué de Castro de Desenvolvimento; Jovens
Empreendedores; e Formação de Redes Territoriais.

Conheça mais o trabalho da Adel em www.adel.org.br.
Karol Assunção –
Jornalista
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *