Ministro da Embaixada da Suíça no Brasil visita a Adel

Nos dias 13 e 14 de agosto, o ministro da Embaixada da Suíça no Brasil, Jean-Pierre Reymond, visitou a Adel. Participou de reuniões e visitas as famílias beneficiadas com o projeto Convivência com o Semiárido, apoiado pela Embaixada da Suiça e Banco do Nordeste.

No primeiro dia da visita, o ministro suíço, Jean-Pierre, encontrou alguns membros da equipe da Adel e a Agente de Desenvolvimento Rural do Banco do Nordeste, Jeânia Rogério. Neste encontro foi apresentada a história da Adel e discutido as ações desenvolvidas no Ceará pela instituição.

Reunião com o ministro na sede da Adel, em Pentecoste

Jeânia Rogério destacou a importância da parceria com a Adel e o apoio da Embaixada da Suíça na implantação do projeto Convivência com o Semiárido, que trouxe para a região as cisternas com sistema de boia para lavagem do telhado e com uma bomba d’água, denominada “trampolim”, tecnologia desenvolvida pelo Centro de Educação Popular e Formação Social (CEPFS), organização da Paraíba, parceira da Adel no projeto.

Visita a residência do Sr. Gilberto

Após este encontro, o ministro visitou duas famílias beneficiadas com o projeto em Canafístula, onde conheceu a cisterna construída na residência do Sr. Gilberto Bezerra e acompanhou o processo de construção de outra cisterna na casa do Sr. Idavan Luz. Na ocasião, Idavan apresentou o cordel escrito por ele, “O valor que a água tem”, que aborda a importância da água para a humanidade, e o Sr. Joaquim Teles, pedreiro, explicou como é feita a construção das cisternas, enfatizando os benefícios que elas trazem.

Sr. Joaquim Teles explica como é construída as cisternas  

No segundo dia, o ministro visitou os jovens do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) que estavam em formação e participou de uma reunião com lideranças da União das Associações do Vale do Rio Canindé (UAVRC) e famílias beneficiadas com o projeto.

Na pauta de discussões, o principal ponto foi o apoio da Embaixada da Suiça na implantação desta inovação na região, que será multiplicada nos próximos anos. As cisternas construídas pela Adel em parceria com o Banco do Nordeste e a Embaixada da Suiça é uma replicação da tecnologia do CEPFS que busca a acessibilidade das famílias a água de qualidade e a multiplicação de beneficiados, através da implantação de fundos rotativos.

Cisterna construída na casa de Sr. Gilberto  

Para Idavan, a cisterna que está sendo construída em sua residência tem grande valor. “O nosso reservatório de água hoje são estas garrafas, mas graças a Deus com a cisterna vamos puder ter um local apropriado e armazenar mais água, um dos líquidos mais preciosos”, enfatiza.

Atual reservatório de água da família do Sr. Idavan Luz

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *