PJER é finalista do Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social

O Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER), tecnologia social criada e desenvolvida pela Adel, é um dos 30 finalistas do Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social, na categoria juventude.

Concorrendo com 1.011 iniciativas sociais inscritas de todas as regiões do país, o PJER é a única tecnologia social finalista do Ceará. Em quatro anos de atuação, o PJER beneficiou mais de 280 jovens de 45 comunidades no território do Médio Curu (Pentecoste, Apuiarés, General Sampaio e Tejuçuoca).

O PJER oportuniza o desenvolvimento de negócios rurais protagonizados por jovens empreendedores rurais. Oferece serviços de formação técnica e gerencial, assistência técnica, crédito orientado para implantação dos planos negócios, articulação de arranjos produtivos locais e acesso às tecnologias de informação e comunicação.

Confira a lista completa dos finalistas do prêmio aqui.

Sobre o Prêmio

O Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social recebeu, nesta 7ª edição, 1.011 inscrições de iniciativas sociais vindas de todas as regiões do país. Os vencedores deste edição receberão o valor de R$ 80 mil cada um. Nesta edição, os segundos e terceiros colocados de cada categoria também serão premiados com investimentos de R$ 50 mil e R$ 30 mil, respectivamente. No total, serão destinados R$ 800 mil, divididos entre os 15 melhores colocados, para aperfeiçoamento ou reaplicação da tecnologia social. Os finalistas também receberão um ultrabook, além de troféu.

Mais informações: http://www.fbb.org.br/tecnologiasocial/

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *