Adel realiza oficina sobre Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação

No último sábado (27/04), aconteceu no Centro Integrado de Tecnologias (CIT) de Sítio do Meio a oficina “Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC’s) em prol do desenvolvimento local”.

Na oficina foi apresentada a evolução das tecnologias de informação e comunicação e sua importância para o desenvolvimento da sociedade. Nela, foi especificada a necessidade de adaptação das tecnologias a realidade local para que seja útil ao desenvolvimento das comunidades rurais.

Um dos temas trabalhados na oficina foi o modelo da plataforma Conectando Jovens Rurais, que será lançada em breve pela Adel para dá visibilidade aos empreendimentos dos jovens empreendedores rurais. O outro tema da oficina foi à formação de uma equipe local para tratar especificamente do plano de comunicação da comunidade.

Após a apresentação dos temas, os jovens da comunidade de Sítio do Meio, distante 14 km da sede de Pentecoste, elencaram algumas ações de comunicação que julgam necessárias serem realizadas inicialmente. Em seguida, eles discutiram o quanto tem sido importante o uso das ferramentas de informação e comunicação existentes no CIT para as suas vidas e a comunidade em geral.

Com o acesso a telefonia e internet na comunidade, fruto da parceria com a Adel, os jovens enfatizaram que hoje, muitas das atividades que precisavam ir fazer na sede do município podem resolver na comunidade.

Para o jovem Valdenir, o CIT tem sido importante não somente para a juventude local, mas para a comunidade em geral. “Hoje nós fazemos pesquisas aqui mesmo, os estudantes fazem seus trabalhos e alguns serviços como o cadastro na carteira popular para as pessoas da comunidade fazemos aqui”, enfatiza ele.

A oficina faz parte das atividades do projeto Rede de Jovens Empreendedores Rurais, desenvolvido pela Adel em parceria com o Instituto Oi Futuro, que tem o objetivo de possibilitar aos jovens empreendedores rurais o acesso às Tecnologias de Informações e Comunicação (TIC’s).

Adel realiza oficina sobre Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação

No último sábado (27/04), aconteceu no Centro Integrado de Tecnologias (CIT) de Sítio do Meio a oficina “Uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC’s) em prol do desenvolvimento local”.

Na oficina foi apresentada a evolução das tecnologias de informação e comunicação e sua importância para o desenvolvimento da sociedade. Nela, foi especificada a necessidade de adaptação das tecnologias a realidade local para que seja útil ao desenvolvimento das comunidades rurais.

Um dos temas trabalhados na oficina foi o modelo da plataforma Conectando Jovens Rurais, que será lançada em breve pela Adel para dá visibilidade aos empreendimentos dos jovens empreendedores rurais. O outro tema da oficina foi à formação de uma equipe local para tratar especificamente do plano de comunicação da comunidade.

Após a apresentação dos temas, os jovens da comunidade de Sítio do Meio, distante 14 km da sede de Pentecoste, elencaram algumas ações de comunicação que julgam necessárias serem realizadas inicialmente. Em seguida, eles discutiram o quanto tem sido importante o uso das ferramentas de informação e comunicação existentes no CIT para as suas vidas e a comunidade em geral.

Com o acesso a telefonia e internet na comunidade, fruto da parceria com a Adel, os jovens enfatizaram que hoje, muitas das atividades que precisavam ir fazer na sede do município podem resolver na comunidade.

Para o jovem Valdenir, o CIT tem sido importante não somente para a juventude local, mas para a comunidade em geral. “Hoje nós fazemos pesquisas aqui mesmo, os estudantes fazem seus trabalhos e alguns serviços como o cadastro na carteira popular para as pessoas da comunidade fazemos aqui”, enfatiza ele.

A oficina faz parte das atividades do projeto Rede de Jovens Empreendedores Rurais, desenvolvido pela Adel em parceria com o Instituto Oi Futuro, que tem o objetivo de possibilitar aos jovens empreendedores rurais o acesso às Tecnologias de Informações e Comunicação (TIC’s).

3ª Sequência da Formação Empreendedora do PJER

A Adel iniciou hoje (22/04) a 3ª Sequência da Formação Empreendedora do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) no Centro de Formação em Cipó, Pentecoste/CE. As atividades desta semana iniciaram com a apresentação do estudo realizado pelos jovens no período vivencial sobre sustentabilidade ambiental e técnicas de convivência com o semiárido.

Os jovens trouxeram as experiências vividas por cada um em sua propriedade familiar e terão a oportunidade de debater com o educador Marciano Moreira esta temática durante a semana. Eles vão estudar algumas técnicas de convivência com o semiárido que tem contribuído para amenizar os problemas vividos pelas famílias que residem nesta região.

Durante a visita de estudo, os jovens vão conhecer na prática a experiência em agroecologia e técnicas de convivência com o semiárido, desenvolvida na comunidade de Sabonete (Apuiarés/CE) pelo agricultor Joaquim Pinto.

Ainda nesta semana, os jovens receberão a visita da equipe do Programa Globo Cidadania da TV Globo e será iniciado os estudos do módulo I do Novos Rurais, programa que fomenta estratégias de diversificação produtiva e comercial entre jovens que vivem no campo.

A Formação Empreendedora faz parte do eixo conhecimento do Programa. É realizada pela Adel este ano em parceria com o Criança Esperança, o Programa Novos Rurais e o Fundo Itaú Excelência Social. Conta com o apoio das Prefeituras Municipais de General Sampaio, Tejuçuoca e Apuiarés, através das Secretarias de Agricultura.

3ª Sequência da Formação Empreendedora do PJER

A Adel iniciou hoje (22/04) a 3ª Sequência da Formação Empreendedora do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) no Centro de Formação em Cipó, Pentecoste/CE. As atividades desta semana iniciaram com a apresentação do estudo realizado pelos jovens no período vivencial sobre sustentabilidade ambiental e técnicas de convivência com o semiárido.

Os jovens trouxeram as experiências vividas por cada um em sua propriedade familiar e terão a oportunidade de debater com o educador Marciano Moreira esta temática durante a semana. Eles vão estudar algumas técnicas de convivência com o semiárido que tem contribuído para amenizar os problemas vividos pelas famílias que residem nesta região.

Durante a visita de estudo, os jovens vão conhecer na prática a experiência em agroecologia e técnicas de convivência com o semiárido, desenvolvida na comunidade de Sabonete (Apuiarés/CE) pelo agricultor Joaquim Pinto.

Ainda nesta semana, os jovens receberão a visita da equipe do Programa Globo Cidadania da TV Globo e será iniciado os estudos do módulo I do Novos Rurais, programa que fomenta estratégias de diversificação produtiva e comercial entre jovens que vivem no campo.

A Formação Empreendedora faz parte do eixo conhecimento do Programa. É realizada pela Adel este ano em parceria com o Criança Esperança, o Programa Novos Rurais e o Fundo Itaú Excelência Social. Conta com o apoio das Prefeituras Municipais de General Sampaio, Tejuçuoca e Apuiarés, através das Secretarias de Agricultura.

Adel inicia o curso Formação de Agentes de Convivência com o Semiárido

A Adel, através do projeto Convivência com o Semiárido, iniciou, no dia 12 de abril, na Fazenda Experimental Vale do Curu (FEVC), em Pentecoste, o  1º módulo do curso Formação de Agentes de Convivência com o Semiárido.

O 1º módulo do curso foi ministrado pelo ex-diretor técnico da Adel e atual analista do Centec, Adriano Batista, que trabalhou o tema “Organização Comunitária”, enfatizando a importância das parcerias na comunidade em prol da preservação do semiárido.

Composto por 06 módulos, o curso conta com a participação de jovens empreendedores rurais, agricultores familiares, estudantes e técnicos das Secretarias de Agriculturas dos municípios de Apuiarés, General Sampaio, Pentecoste e Tejuçuoca.

A diversidade de participantes tem possibilitado múltiplos diálogos e o planejamento de ações práticas para a região, visto que a parceria do poder público local junto à sociedade civil é fundamental para o debate e a realização de práticas de Convivência com o Semiárido.

Segundo o jovem empreendedor rural, Mailson Bezerra, residente no município de Apuiarés, o curso tem possibilitado um debate enriquecedor. “Este 1º módulo superou minhas expectativas, tanto pelo instrutor, quanto pelos companheiros de curso. A participação de representantes de vários órgãos possibilita uma boa discussão dos temas abordados, cada um traz a sua opinião e juntos adquirirmos conhecimentos e refletimos sobre nossas práticas”, enfatiza ele.

O próximo módulo acontecerá nos dias 19 e 20 de abril, com o tema Recursos Naturais e Convivência com o Semiárido. E conta mais uma vez com o apoio do técnico da Adel, Anderson Vieira, e dois (02) técnicos do Instituto Regional de Assistência Técnica e Extensão Rural (IRATER) que colaboram com a organização e gestão do evento.

O projeto Convivência com o Semiárido é realizado pela Adel em parceria com o Banco do Nordeste. E conta com o apoio da Universidade Federal do Ceará (UFC), da Prefeitura Municipal de General Sampaio, do Centro de Educação Popular e Formação Social (CEPFS), da União das Associações do Vale do Rio Canindé (UAVRC), do Núcleo de Psicologia Comunitária da UFC (NUCOM) e do IRATER.

Adel inicia o curso Formação de Agentes de Convivência com o Semiárido

A Adel, através do projeto Convivência com o Semiárido, iniciou, no dia 12 de abril, na Fazenda Experimental Vale do Curu (FEVC), em Pentecoste, o  1º módulo do curso Formação de Agentes de Convivência com o Semiárido.

O 1º módulo do curso foi ministrado pelo ex-diretor técnico da Adel e atual analista do Centec, Adriano Batista, que trabalhou o tema “Organização Comunitária”, enfatizando a importância das parcerias na comunidade em prol da preservação do semiárido.

Composto por 06 módulos, o curso conta com a participação de jovens empreendedores rurais, agricultores familiares, estudantes e técnicos das Secretarias de Agriculturas dos municípios de Apuiarés, General Sampaio, Pentecoste e Tejuçuoca.

A diversidade de participantes tem possibilitado múltiplos diálogos e o planejamento de ações práticas para a região, visto que a parceria do poder público local junto à sociedade civil é fundamental para o debate e a realização de práticas de Convivência com o Semiárido.

Segundo o jovem empreendedor rural, Mailson Bezerra, residente no município de Apuiarés, o curso tem possibilitado um debate enriquecedor. “Este 1º módulo superou minhas expectativas, tanto pelo instrutor, quanto pelos companheiros de curso. A participação de representantes de vários órgãos possibilita uma boa discussão dos temas abordados, cada um traz a sua opinião e juntos adquirirmos conhecimentos e refletimos sobre nossas práticas”, enfatiza ele.

O próximo módulo acontecerá nos dias 19 e 20 de abril, com o tema Recursos Naturais e Convivência com o Semiárido. E conta mais uma vez com o apoio do técnico da Adel, Anderson Vieira, e dois (02) técnicos do Instituto Regional de Assistência Técnica e Extensão Rural (IRATER) que colaboram com a organização e gestão do evento.

O projeto Convivência com o Semiárido é realizado pela Adel em parceria com o Banco do Nordeste. E conta com o apoio da Universidade Federal do Ceará (UFC), da Prefeitura Municipal de General Sampaio, do Centro de Educação Popular e Formação Social (CEPFS), da União das Associações do Vale do Rio Canindé (UAVRC), do Núcleo de Psicologia Comunitária da UFC (NUCOM) e do IRATER.

Comunidade de Pedras Pretas celebra a conquista do Centro Integrado de Tecnologias (Cit)

Ontem (11/04), às 10h, aconteceu na comunidade de Pedras Pretas, em General Sampaio, a inauguração do Centro Integrado de Tecnologias (Cit) de Pedras Pretas, uma ação do Projeto Rede de Jovens Empreendedores Rurais desenvolvido pela Adel e apoiado pelo Programa Oi Novos Brasis do Instituto Oi Futuro.

Assinatura Termo de Parceria

Em Pedras Pretas, além da Associação Comunitária a Adel conta com o apoio da Prefeitura Municipal de General Sampaio que esteve presente no evento de inauguração, representada pela Prefeita Municipal Ediene Monteiro.

Segundo a Prefeita Ediene Monteiro o Centro será fundamental para a juventude. “Espero que os jovens façam bom uso destas tecnologias, pois hoje a informática é indispensável para as nossas vidas, principalmente na inserção no mercado de trabalho e no desenvolvimento da agricultura familiar”, enfatiza.

Os jovens e moradores da comunidade celebraram entusiasmados a conquista. “O Centro representa muito para nós, será um espaço grandioso, pois vai facilitar o acesso ao conhecimento, encurtar caminhos – ao invés de irmos até a sede do município tirar uma xerox, fazer um telefonema, nós vamos fazer tudo isso aqui na comunidade”, comenta o Sr. Joaquim, Presidente da Associação Comunitária.

Para o jovem Claúdio esta ação da Adel irá fortalecer o trabalho com jovens na comunidade. “Eu sou um dos jovens que participei da Formação Empreendedora desenvolvida pela Adel, e acredito que é por isso que ainda estou na minha comunidade, pois comecei a olhar de maneira diferente o meio onde vivo, e isso tem me possibilitado muitas mudanças na minha vida, que acredito também ser possível na vida de outros jovens da comunidade”, destaca ele.

Os Centros Integrados de Tecnologias (Cit’s) tem como objetivo possibilitar aos jovens o acesso às Tecnologias de Informações e Comunicação (TIC’s). Este foi o terceiro Centro inaugurado este ano. Mais dois serão implantados nas comunidades rurais.

Comunidade de Pedras Pretas celebra a conquista do Centro Integrado de Tecnologias (Cit)

Ontem (11/04), às 10h, aconteceu na comunidade de Pedras Pretas, em General Sampaio, a inauguração do Centro Integrado de Tecnologias (Cit) de Pedras Pretas, uma ação do Projeto Rede de Jovens Empreendedores Rurais desenvolvido pela Adel e apoiado pelo Programa Oi Novos Brasis do Instituto Oi Futuro.

Assinatura Termo de Parceria

Em Pedras Pretas, além da Associação Comunitária a Adel conta com o apoio da Prefeitura Municipal de General Sampaio que esteve presente no evento de inauguração, representada pela Prefeita Municipal Ediene Monteiro.

Segundo a Prefeita Ediene Monteiro o Centro será fundamental para a juventude. “Espero que os jovens façam bom uso destas tecnologias, pois hoje a informática é indispensável para as nossas vidas, principalmente na inserção no mercado de trabalho e no desenvolvimento da agricultura familiar”, enfatiza.

Os jovens e moradores da comunidade celebraram entusiasmados a conquista. “O Centro representa muito para nós, será um espaço grandioso, pois vai facilitar o acesso ao conhecimento, encurtar caminhos – ao invés de irmos até a sede do município tirar uma xerox, fazer um telefonema, nós vamos fazer tudo isso aqui na comunidade”, comenta o Sr. Joaquim, Presidente da Associação Comunitária.

Para o jovem Claúdio esta ação da Adel irá fortalecer o trabalho com jovens na comunidade. “Eu sou um dos jovens que participei da Formação Empreendedora desenvolvida pela Adel, e acredito que é por isso que ainda estou na minha comunidade, pois comecei a olhar de maneira diferente o meio onde vivo, e isso tem me possibilitado muitas mudanças na minha vida, que acredito também ser possível na vida de outros jovens da comunidade”, destaca ele.

Os Centros Integrados de Tecnologias (Cit’s) tem como objetivo possibilitar aos jovens o acesso às Tecnologias de Informações e Comunicação (TIC’s). Este foi o terceiro Centro inaugurado este ano. Mais dois serão implantados nas comunidades rurais.

Resultado final da seleção para estagiário(a) de Comunicação

A Adel divulga o resultado final do processo de seleção para a vaga de estagiário(a) de Comunicação.

O candidato selecionado foi Fábio Júnior Ferreira Braga.

A instituição agradece a todos os estudantes que participaram do processo de seleção e informa que os currículos recebidos ficarão arquivados. Ao surgir uma vaga que se enquadre no perfil apresentado, serão convidados à participar da seleção.

Resultado final da seleção para estagiário(a) de Comunicação

A Adel divulga o resultado final do processo de seleção para a vaga de estagiário(a) de Comunicação.

O candidato selecionado foi Fábio Júnior Ferreira Braga.

A instituição agradece a todos os estudantes que participaram do processo de seleção e informa que os currículos recebidos ficarão arquivados. Ao surgir uma vaga que se enquadre no perfil apresentado, serão convidados à participar da seleção.