Adel recebe apoio do Criança Esperança

Este ano, o Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER), desenvolvido pela Adel, recebe o apoio do Criança Esperança, uma iniciativa da Globo em parceria com a Unesco.

O Programa Jovem Empreendedor Rural está entre os 86 projetos apoiados em 2013 que beneficiam diretamente 32 mil crianças e adolescentes do Brasil. Setenta jovens rurais dos municípios de Pentecoste, Apuiarés, Tejuçuoca e General Sampaio estão participando de formações e são assessorados pela equipe da Adel na implantação de seus empreendimentos.

Formação dos jovens.

O PJER visa criar oportunidades para jovens empreendedores, e consiste na aliança entre quatro (4) componentes: acesso a conhecimento, crédito orientado, apoio no fortalecimento organizativo e acesso a tecnologias de informação e comunicação.

No dia 31 de agosto, a Adel estará desenvolvendo em Riacho do Paulo, Apuiarés, um encontro com jovens e moradores da comunidade e região. Neste dia serão desenvolvidas atividades socioculturais como palestras, distribuição de mudas nativas, exposição de produtos locais e atividades esportivas.

Adel recebe apoio do Criança Esperança

Este ano, o Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER), desenvolvido pela Adel, recebe o apoio do Criança Esperança, uma iniciativa da Globo em parceria com a Unesco.

O Programa Jovem Empreendedor Rural está entre os 86 projetos apoiados em 2013 que beneficiam diretamente 32 mil crianças e adolescentes do Brasil. Setenta jovens rurais dos municípios de Pentecoste, Apuiarés, Tejuçuoca e General Sampaio estão participando de formações e são assessorados pela equipe da Adel na implantação de seus empreendimentos.

Formação dos jovens.

O PJER visa criar oportunidades para jovens empreendedores, e consiste na aliança entre quatro (4) componentes: acesso a conhecimento, crédito orientado, apoio no fortalecimento organizativo e acesso a tecnologias de informação e comunicação.

No dia 31 de agosto, a Adel estará desenvolvendo em Riacho do Paulo, Apuiarés, um encontro com jovens e moradores da comunidade e região. Neste dia serão desenvolvidas atividades socioculturais como palestras, distribuição de mudas nativas, exposição de produtos locais e atividades esportivas.

Novos jovens do Médio Curu participam do PJER

Trinta jovens dos municípios do Médio Curu (Apuiarés, General Sampaio, Pentecoste e Tejuçuoca) começaram a participar do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) este semestre. O PJER é desenvolvido desde 2009 pela Adel, é composto por quatro eixos: conhecimento; crédito; redes e tecnologias de informação e comunicação.

No período de 12 à 16 de agosto, foram iniciadas as atividades do eixo conhecimento com a Turma 2013. 2. Na primeira Sequência da Formação Empreendedora os jovens estudaram os temas Juventudes e projeto de vida na Unidade Familiar; Sucessão rural e gênero; Cooperação rural; e, Cidadania e políticas públicas.

O estudo envolve aulas expositivas, leituras, dinâmicas, rodas de conversas e visita aos projetos e empreendimentos na região, com o objetivo de proporcionar ao jovem o acesso a conhecimentos teóricos e práticos.

Visita Horto das Timbaúbas em Tejuçuoca.

Nesta primeira sequência os jovens visitaram o Horto das Timbaúbas e a Casa da Cultura de Tejuçuoca, ambos localizados na sede do município. A partir desta visita os jovens conheceram e trocaram experiências entre si e a comunidade.

Visita Casa da Cultura em Tejuçuoca.

Para o jovem Irailson Almeida, esta primeira semana lhe trouxe muitos conhecimentos e a certeza de que é possível desenvolver seu empreendimento na comunidade. “A semana deixou saudades dos novos amigos, dos momentos e do espaço da formação, que é bastante agradável. Passei a acreditar muito mais no meu potencial depois de tudo que vivi e aprendi nesta semana”, enfatiza.

A Formação Empreendedora é realizada pela Adel em parceria com o Criança Esperança, o Programa Novos Rurais e o Fundo Itaú Excelência Social. Conta com o apoio das Prefeituras Municipais de General Sampaio e Tejuçuoca, através das Secretarias de Agricultura.

Novos jovens do Médio Curu participam do PJER

Trinta jovens dos municípios do Médio Curu (Apuiarés, General Sampaio, Pentecoste e Tejuçuoca) começaram a participar do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) este semestre. O PJER é desenvolvido desde 2009 pela Adel, é composto por quatro eixos: conhecimento; crédito; redes e tecnologias de informação e comunicação.

No período de 12 à 16 de agosto, foram iniciadas as atividades do eixo conhecimento com a Turma 2013. 2. Na primeira Sequência da Formação Empreendedora os jovens estudaram os temas Juventudes e projeto de vida na Unidade Familiar; Sucessão rural e gênero; Cooperação rural; e, Cidadania e políticas públicas.

O estudo envolve aulas expositivas, leituras, dinâmicas, rodas de conversas e visita aos projetos e empreendimentos na região, com o objetivo de proporcionar ao jovem o acesso a conhecimentos teóricos e práticos.

Visita Horto das Timbaúbas em Tejuçuoca.

Nesta primeira sequência os jovens visitaram o Horto das Timbaúbas e a Casa da Cultura de Tejuçuoca, ambos localizados na sede do município. A partir desta visita os jovens conheceram e trocaram experiências entre si e a comunidade.

Visita Casa da Cultura em Tejuçuoca.

Para o jovem Irailson Almeida, esta primeira semana lhe trouxe muitos conhecimentos e a certeza de que é possível desenvolver seu empreendimento na comunidade. “A semana deixou saudades dos novos amigos, dos momentos e do espaço da formação, que é bastante agradável. Passei a acreditar muito mais no meu potencial depois de tudo que vivi e aprendi nesta semana”, enfatiza.

A Formação Empreendedora é realizada pela Adel em parceria com o Criança Esperança, o Programa Novos Rurais e o Fundo Itaú Excelência Social. Conta com o apoio das Prefeituras Municipais de General Sampaio e Tejuçuoca, através das Secretarias de Agricultura.

Ministro da Embaixada da Suíça no Brasil visita a Adel

Nos dias 13 e 14 de agosto, o ministro da Embaixada da Suíça no Brasil, Jean-Pierre Reymond, visitou a Adel. Participou de reuniões e visitas as famílias beneficiadas com o projeto Convivência com o Semiárido, apoiado pela Embaixada da Suiça e Banco do Nordeste.

No primeiro dia da visita, o ministro suíço, Jean-Pierre, encontrou alguns membros da equipe da Adel e a Agente de Desenvolvimento Rural do Banco do Nordeste, Jeânia Rogério. Neste encontro foi apresentada a história da Adel e discutido as ações desenvolvidas no Ceará pela instituição.

Reunião com o ministro na sede da Adel, em Pentecoste

Jeânia Rogério destacou a importância da parceria com a Adel e o apoio da Embaixada da Suíça na implantação do projeto Convivência com o Semiárido, que trouxe para a região as cisternas com sistema de boia para lavagem do telhado e com uma bomba d’água, denominada “trampolim”, tecnologia desenvolvida pelo Centro de Educação Popular e Formação Social (CEPFS), organização da Paraíba, parceira da Adel no projeto.

Visita a residência do Sr. Gilberto

Após este encontro, o ministro visitou duas famílias beneficiadas com o projeto em Canafístula, onde conheceu a cisterna construída na residência do Sr. Gilberto Bezerra e acompanhou o processo de construção de outra cisterna na casa do Sr. Idavan Luz. Na ocasião, Idavan apresentou o cordel escrito por ele, “O valor que a água tem”, que aborda a importância da água para a humanidade, e o Sr. Joaquim Teles, pedreiro, explicou como é feita a construção das cisternas, enfatizando os benefícios que elas trazem.

Sr. Joaquim Teles explica como é construída as cisternas  

No segundo dia, o ministro visitou os jovens do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) que estavam em formação e participou de uma reunião com lideranças da União das Associações do Vale do Rio Canindé (UAVRC) e famílias beneficiadas com o projeto.

Na pauta de discussões, o principal ponto foi o apoio da Embaixada da Suiça na implantação desta inovação na região, que será multiplicada nos próximos anos. As cisternas construídas pela Adel em parceria com o Banco do Nordeste e a Embaixada da Suiça é uma replicação da tecnologia do CEPFS que busca a acessibilidade das famílias a água de qualidade e a multiplicação de beneficiados, através da implantação de fundos rotativos.

Cisterna construída na casa de Sr. Gilberto  

Para Idavan, a cisterna que está sendo construída em sua residência tem grande valor. “O nosso reservatório de água hoje são estas garrafas, mas graças a Deus com a cisterna vamos puder ter um local apropriado e armazenar mais água, um dos líquidos mais preciosos”, enfatiza.

Atual reservatório de água da família do Sr. Idavan Luz

Ministro da Embaixada da Suíça no Brasil visita a Adel

Nos dias 13 e 14 de agosto, o ministro da Embaixada da Suíça no Brasil, Jean-Pierre Reymond, visitou a Adel. Participou de reuniões e visitas as famílias beneficiadas com o projeto Convivência com o Semiárido, apoiado pela Embaixada da Suiça e Banco do Nordeste.

No primeiro dia da visita, o ministro suíço, Jean-Pierre, encontrou alguns membros da equipe da Adel e a Agente de Desenvolvimento Rural do Banco do Nordeste, Jeânia Rogério. Neste encontro foi apresentada a história da Adel e discutido as ações desenvolvidas no Ceará pela instituição.

Reunião com o ministro na sede da Adel, em Pentecoste

Jeânia Rogério destacou a importância da parceria com a Adel e o apoio da Embaixada da Suíça na implantação do projeto Convivência com o Semiárido, que trouxe para a região as cisternas com sistema de boia para lavagem do telhado e com uma bomba d’água, denominada “trampolim”, tecnologia desenvolvida pelo Centro de Educação Popular e Formação Social (CEPFS), organização da Paraíba, parceira da Adel no projeto.

Visita a residência do Sr. Gilberto

Após este encontro, o ministro visitou duas famílias beneficiadas com o projeto em Canafístula, onde conheceu a cisterna construída na residência do Sr. Gilberto Bezerra e acompanhou o processo de construção de outra cisterna na casa do Sr. Idavan Luz. Na ocasião, Idavan apresentou o cordel escrito por ele, “O valor que a água tem”, que aborda a importância da água para a humanidade, e o Sr. Joaquim Teles, pedreiro, explicou como é feita a construção das cisternas, enfatizando os benefícios que elas trazem.

Sr. Joaquim Teles explica como é construída as cisternas  

No segundo dia, o ministro visitou os jovens do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) que estavam em formação e participou de uma reunião com lideranças da União das Associações do Vale do Rio Canindé (UAVRC) e famílias beneficiadas com o projeto.

Na pauta de discussões, o principal ponto foi o apoio da Embaixada da Suiça na implantação desta inovação na região, que será multiplicada nos próximos anos. As cisternas construídas pela Adel em parceria com o Banco do Nordeste e a Embaixada da Suiça é uma replicação da tecnologia do CEPFS que busca a acessibilidade das famílias a água de qualidade e a multiplicação de beneficiados, através da implantação de fundos rotativos.

Cisterna construída na casa de Sr. Gilberto  

Para Idavan, a cisterna que está sendo construída em sua residência tem grande valor. “O nosso reservatório de água hoje são estas garrafas, mas graças a Deus com a cisterna vamos puder ter um local apropriado e armazenar mais água, um dos líquidos mais preciosos”, enfatiza.

Atual reservatório de água da família do Sr. Idavan Luz

Equipe do PIPS FIES visita a Adel

No dia 08 de agosto, Kleber Valadares, da equipe técnica do Programa de Investimento em Programas Sociais do Fundo Itaú Excelência Social (PIPS FIES 2012) visitou a sede da Adel em Pentecoste.

O objetivo da visita é conhecer as ações da Adel e as atividades do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) realizadas no primeiro semestre de 2013, no Médio Curu, que conta com o apoio do PIPS FIES.

Além da visita, a equipe do PIPS FIES 2012 realizou no dia 09 de agosto, no Condomínio Espiritual Uirapuru, em Fortaleza, uma oficina com o tema “Avaliação Participativa e a Construção de um Plano de Avaliação”, que teve a participação dos gestores e educadores do PJER.

Marciano Moreira, Aurigele Alves e Mirlania Lima (Adel), ao lado de Kleber Valadares (FIES) e Wagner Gomes (Adel) 

A visita e a oficina fazem parte do acompanhamento técnico oferecido às organizações apoiadas pelo FIES, fundo que investe em ações de organizações sociais com apoio da Fundação Itaú Social e parceria técnica do FICAS.

Segundo Aurigele Alves, coordenadora do PJER, as atividades de acompanhamento do PIPS FIES tem colaborado bastante para o crescimento do programa. “Nestes dois dias juntos discutimos muito a importância da avaliação em todos os processos. A avaliação é fundamental para a elaboração de novas estratégias e planos de melhorias”, acrescenta.

Equipe do PIPS FIES visita a Adel

No dia 08 de agosto, Kleber Valadares, da equipe técnica do Programa de Investimento em Programas Sociais do Fundo Itaú Excelência Social (PIPS FIES 2012) visitou a sede da Adel em Pentecoste.

O objetivo da visita é conhecer as ações da Adel e as atividades do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) realizadas no primeiro semestre de 2013, no Médio Curu, que conta com o apoio do PIPS FIES.

Além da visita, a equipe do PIPS FIES 2012 realizou no dia 09 de agosto, no Condomínio Espiritual Uirapuru, em Fortaleza, uma oficina com o tema “Avaliação Participativa e a Construção de um Plano de Avaliação”, que teve a participação dos gestores e educadores do PJER.

Marciano Moreira, Aurigele Alves e Mirlania Lima (Adel), ao lado de Kleber Valadares (FIES) e Wagner Gomes (Adel) 

A visita e a oficina fazem parte do acompanhamento técnico oferecido às organizações apoiadas pelo FIES, fundo que investe em ações de organizações sociais com apoio da Fundação Itaú Social e parceria técnica do FICAS.

Segundo Aurigele Alves, coordenadora do PJER, as atividades de acompanhamento do PIPS FIES tem colaborado bastante para o crescimento do programa. “Nestes dois dias juntos discutimos muito a importância da avaliação em todos os processos. A avaliação é fundamental para a elaboração de novas estratégias e planos de melhorias”, acrescenta.