Multiplicadores dos ODM participam de capacitação em Brasília

Durante toda esta semana a Adel esteve participando da Capacitação de Multiplicadores dos ODM (Objetivos do Desenvolvimento do Milênio) realizado pelo PNUD/ONU em Brasília.

O objetivo do encontro é apresentar ferramentas de mobilização em prol dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM), formar multiplicadores e orienta-los sobre ações a serem feitas nos seus respectivos municípios e estados.

O treinamento foi realizado pela equipe do Sesi -PR, em parceria com o Programa das Ações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), com o apoio do Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade e Secretaria- Geral da Presidência da República.

“A capacitação de multiplicadores dos ODM é de extrema importância para o alcance das metas do milênio, pois a atuação em campo destes multiplicadores nos seus estados e territórios será como uma semente plantada que dará muitos frutos em breve”, afirma Edilson da Costa, multiplicador dos ODM pela Adel no Ceará.

Os representantes dos núcleos ODM e consultores foram capacitados em cinco ferramentas: seminário de mobilização, indicadores, dialogando para o desenvolvimento, planejamento e mostra de projeto.

Multiplicadores dos ODM participam de capacitação em Brasília

Durante toda esta semana a Adel esteve participando da Capacitação de Multiplicadores dos ODM (Objetivos do Desenvolvimento do Milênio) realizado pelo PNUD/ONU em Brasília.

O objetivo do encontro é apresentar ferramentas de mobilização em prol dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM), formar multiplicadores e orienta-los sobre ações a serem feitas nos seus respectivos municípios e estados.

O treinamento foi realizado pela equipe do Sesi -PR, em parceria com o Programa das Ações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), com o apoio do Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade e Secretaria- Geral da Presidência da República.

“A capacitação de multiplicadores dos ODM é de extrema importância para o alcance das metas do milênio, pois a atuação em campo destes multiplicadores nos seus estados e territórios será como uma semente plantada que dará muitos frutos em breve”, afirma Edilson da Costa, multiplicador dos ODM pela Adel no Ceará.

Os representantes dos núcleos ODM e consultores foram capacitados em cinco ferramentas: seminário de mobilização, indicadores, dialogando para o desenvolvimento, planejamento e mostra de projeto.

Jovens iniciam atividades do programa Novos Rurais

Jovens de São Gonçalo do Amarante e Caucaia iniciaram as atividades do Novos Rurais, programa realizado pela Adel no Ceará, em parceria com o Instituto Souza Cruz.

O primeiro módulo trabalhado teve como tema: “Novo Rural como ambiente – Agricultura Familiar como suporte para empreendimentos de jovens rurais”, uma temática importante para compreensão do meio familiar e rural em que a juventude está inserida.

O Novos Rurais tem como objetivo fomentar estratégias de diversificação produtiva e comercial entre os jovens que vivem no campo, e funciona em duas etapas. A primeira tem como foco a formação e a segunda etapa apoia a implantação dos empreendimentos dos jovens.

“É um novo conhecimento que veio somar com as atividades que já desenvolvemos, a partir dele iremos aprimorar ainda mais nossos conceitos sobre empreendedorismo e assim investir pesado em nossos negócios”, afirma Clarice de Castro, jovem atendida pela Adel.

O Programa Novos Rurais é uma metodologia desenvolvida pelo Instituto Souza Cruz, realizado pela Adel no Ceará.

Jovens iniciam atividades do programa Novos Rurais

Jovens de São Gonçalo do Amarante e Caucaia iniciaram as atividades do Novos Rurais, programa realizado pela Adel no Ceará, em parceria com o Instituto Souza Cruz.

O primeiro módulo trabalhado teve como tema: “Novo Rural como ambiente – Agricultura Familiar como suporte para empreendimentos de jovens rurais”, uma temática importante para compreensão do meio familiar e rural em que a juventude está inserida.

O Novos Rurais tem como objetivo fomentar estratégias de diversificação produtiva e comercial entre os jovens que vivem no campo, e funciona em duas etapas. A primeira tem como foco a formação e a segunda etapa apoia a implantação dos empreendimentos dos jovens.

“É um novo conhecimento que veio somar com as atividades que já desenvolvemos, a partir dele iremos aprimorar ainda mais nossos conceitos sobre empreendedorismo e assim investir pesado em nossos negócios”, afirma Clarice de Castro, jovem atendida pela Adel.

O Programa Novos Rurais é uma metodologia desenvolvida pelo Instituto Souza Cruz, realizado pela Adel no Ceará.

Jovens inspiram outros jovens no Vale do Curu

No dia 28 de maio, os jovens do Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) receberam a visita de jovens empreendedores que após participarem do curso empreenderam na região.

Vitor Esteves e Amaury Gomes, empreendedores na área de avicultura; Rayssa Duarte, empreendedora em moda artesanal; e, Elielton Moraes, empreendedor na área de computação gráfica, compartilharam no Centro de Formação, em Sororoca, São Gonçalo do Amarante, suas histórias de vida para a turma de jovens em formação.

Durante o dia, eles contaram aos jovens os motivos que impulsionaram eles a empreender, as tentativas e as oportunidades que eles visualizaram para colocar em prática suas ideias. Vitor ressaltou as diversas tentativas que fez até iniciar seu empreendimentos. Após concluir o Ensino Médio e ingressar no primeiro emprego, se estabilizou por um tempo, mas logo sentiu a necessidade de investir no seu sonho.

Rayssa, Amaury e Elielton, assim como Vitor, encontraram no PJER motivações para colocar em prática suas ideias. Após o Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios eles começaram a trabalhar com ferramentas que ajudaram a colocar em prática os empreendimentos.

Para Rayssa, o curso do PJER foi fundamental na implantação do empreendimento. “Após minha conclusão do curso PJER tive acesso ao crédito do Fundo Veredas onde coloquei em prática meu plano de negócio, o curso foi essencial para que tomasse decisões corretas e me despertasse para algo rentável a minha independência financeira”, enfatiza.

A conversa com os quatro jovens empreendedores foi bastante animadora. Segundo Neto Ribeiro, assessor de formação da Adel, esta atividade motivou os jovens a buscar soluções criativas para seus empreendimentos. “Este é um momento único, pois os jovens se sentem contemplados, se identificam com a realidade destes casos de sucesso e se inspiram para dar continuidade aos seus sonhos que é empreender, ajudar suas comunidades e suas famílias”, afirma .

O Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios possibilita o desenvolvimento das capacidades empreendedoras dos jovens rurais de acordo com suas vocações e contribui com o desenvolvimento da produção familiar no campo.

Este curso é uma ação do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) desenvolvido pela Adel, com o patrocínio da Petrobras, e, apoio da Fundação Interamericana (IAF), Oi Futuro e Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante.

Jovens inspiram outros jovens no Vale do Curu

No dia 28 de maio, os jovens do Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) receberam a visita de jovens empreendedores que após participarem do curso empreenderam na região.


Vitor Esteves e Amaury Gomes, empreendedores na área de avicultura; Rayssa Duarte, empreendedora em moda artesanal; e, Elielton Moraes, empreendedor na área de computação gráfica, compartilharam no Centro de Formação, em Sororoca, São Gonçalo do Amarante, suas histórias de vida para a turma de jovens em formação.

Durante o dia, eles contaram aos jovens os motivos que impulsionaram eles a empreender, as tentativas e as oportunidades que eles visualizaram para colocar em prática suas ideias. Vitor ressaltou as diversas tentativas que fez até iniciar seu empreendimentos. Após concluir o Ensino Médio e ingressar no primeiro emprego, se estabilizou por um tempo, mas logo sentiu a necessidade de investir no seu sonho.

Rayssa, Amaury e Elielton, assim como Vitor, encontraram no PJER motivações para colocar em prática suas ideias. Após o Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios eles começaram a trabalhar com ferramentas que ajudaram a colocar em prática os empreendimentos.

Para Rayssa, o curso do PJER foi fundamental na implantação do empreendimento. “Após minha conclusão do curso PJER tive acesso ao crédito do Fundo Veredas onde coloquei em prática meu plano de negócio, o curso foi essencial para que tomasse decisões corretas e me despertasse para algo rentável a minha independência financeira”, enfatiza.

A conversa com os quatro jovens empreendedores foi bastante animadora. Segundo Neto Ribeiro, assessor de formação da Adel, esta atividade motivou os jovens a buscar soluções criativas para seus empreendimentos. “Este é um momento único, pois os jovens se sentem contemplados, se identificam com a realidade destes casos de sucesso e se inspiram para dar continuidade aos seus sonhos que é empreender, ajudar suas comunidades e suas famílias”, afirma .

O Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios possibilita o desenvolvimento das capacidades empreendedoras dos jovens rurais de acordo com suas vocações e contribui com o desenvolvimento da produção familiar no campo.

Este curso é uma ação do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) desenvolvido pela Adel, com o patrocínio da Petrobras, e, apoio da Fundação Interamericana (IAF), Oi Futuro e Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante.

Adel visita famílias dos jovens do Programa Jovem Empreendedor Rural

No dia 21 de maio, os assessores de formação da Adel visitaram pela segunda vez as famílias dos jovens do Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER).

A visita às famílias é considerada uma das atividades fundamentais para o desenvolvimento do Programa. Além de fortalecer o comprometimento da organização com a família dos jovens, é uma oportunidade para juntos apoiar as iniciativas empreendedoras.

O acompanhamento da família na formação dá aos jovens motivações para colocar em prática suas ideias. Alguns até empreendem na mesma área que os pais, a exemplo a jovem Rayssa Duarte, que decidiu implantar um negócio na área de moda artesanal, levando adiante o legado de seus pais e avós.

Rayssa, filha de artesãos, viu em meio às dificuldades da família, a possibilidade de valorizar as mulheres que trabalham com bordados. Juntou-se ao grupo de mulheres da comunidade Boca da Picada, em São Gonçalo do Amarante, e como designer, tem pensado a valorização dessa arte e elaborado estratégias de comercialização.

Para Ivanelson Melo, assessor de formação da Adel, a aproximação da família amplia os resultados do Programa. Os jovens se sentem mais encorajados a colocar em prática suas ideias empreendedoras. “É nítido a satisfação da família quando os visitamos, sinto que tudo isso fortalece ainda mais a vontade de empreender do jovem, resultando no sucesso do seu negócio”, afirma.

O Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) é desenvolvido pela Adel com o patrocínio da Petrobras, apoio da Fundação Interamericana (IAF), Oi Futuro e da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante.

Adel visita famílias dos jovens do Programa Jovem Empreendedor Rural

No dia 21 de maio, os assessores de formação da Adel visitaram pela segunda vez as famílias dos jovens do Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER).

A visita às famílias é considerada uma das atividades fundamentais para o desenvolvimento do Programa. Além de fortalecer o comprometimento da organização com a família dos jovens, é uma oportunidade para juntos apoiar as iniciativas empreendedoras.

O acompanhamento da família na formação dá aos jovens motivações para colocar em prática suas ideias. Alguns até empreendem na mesma área que os pais, a exemplo a jovem Rayssa Duarte, que decidiu implantar um negócio na área de moda artesanal, levando adiante o legado de seus pais e avós.

Rayssa, filha de artesãos, viu em meio às dificuldades da família, a possibilidade de valorizar as mulheres que trabalham com bordados. Juntou-se ao grupo de mulheres da comunidade Boca da Picada, em São Gonçalo do Amarante, e como designer, tem pensado a valorização dessa arte e elaborado estratégias de comercialização.

Para Ivanelson Melo, assessor de formação da Adel, a aproximação da família amplia os resultados do Programa. Os jovens se sentem mais encorajados a colocar em prática suas ideias empreendedoras. “É nítido a satisfação da família quando os visitamos, sinto que tudo isso fortalece ainda mais a vontade de empreender do jovem, resultando no sucesso do seu negócio”, afirma.

O Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) é desenvolvido pela Adel com o patrocínio da Petrobras, apoio da Fundação Interamericana (IAF), Oi Futuro e da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante.

Encontro de Casos de Sucesso do Programa Território Empreendedor

A Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), realizou juntamente com a Adel no Auditório da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante o Encontro de Casos de Sucesso do Programa Território Empreendedor, desenvolvido pela Adel em parceria com a BrazilFoundation, Acreditar e o apoio da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante e Oi Futuro.

O encontro contou com a turma de jovens em formação do programa Território Empreendedor, pais, parceiros, colaboradores e com a equipe da Adel. Foi um momento de muita conversa, troca de experiências e conhecimento.

Os casos de sucesso, das turmas anteriores, Bruno Andrade, Joy Bruno e Jairo Oliveira estiveram presentes e colaboraram bastante, falando sobres suas trajetórias antes, durante e depois do programa, incentivando os jovens a persistirem, a correr atrás de seus objetivos e a serem empreendedores fortes e protagonistas em suas comunidades.

Segundo Joy Bruno, jovem atendido pela Adel, o encontro foi um ótimo momento para apresentarmos nossos sonhos concretizados como empreendedores. “Faço questão sempre de falar da importância e o impacto do curso em minha vida, foram muitas as dificuldades, mas nenhuma me desestimulou, e hoje estou como exemplo que o otimista vence, precisa só fazer o esforço de correr atrás de seus objetivos e estudar, estudar muito, o resto a gente conquista depois”, enfatiza.

O Programa Território Empreendedor é uma tecnologia social realizada pela Adel, em parceria com a BrazilFoundation, Oi Futuro, Acreditar e faz parte do Programa Interagir da Companhia Siderúrgica do Pecém/CSP que busca criar um ecossistema de empreendedorismo socioeconômico na região da CSP.

Encontro de Casos de Sucesso do Programa Território Empreendedor

A Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), realizou juntamente com a Adel no Auditório da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante o Encontro de Casos de Sucesso do Programa Território Empreendedor, desenvolvido pela Adel em parceria com a BrazilFoundation, Acreditar e o apoio da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante e Oi Futuro.

O encontro contou com a turma de jovens em formação do programa Território Empreendedor, pais, parceiros, colaboradores e com a equipe da Adel. Foi um momento de muita conversa, troca de experiências e conhecimento.

Os casos de sucesso, das turmas anteriores, Bruno Andrade, Joy Bruno e Jairo Oliveira estiveram presentes e colaboraram bastante, falando sobres suas trajetórias antes, durante e depois do programa, incentivando os jovens a persistirem, a correr atrás de seus objetivos e a serem empreendedores fortes e protagonistas em suas comunidades.

Segundo Joy Bruno, jovem atendido pela Adel, o encontro foi um ótimo momento para apresentarmos nossos sonhos concretizados como empreendedores. “Faço questão sempre de falar da importância e o impacto do curso em minha vida, foram muitas as dificuldades, mas nenhuma me desestimulou, e hoje estou como exemplo que o otimista vence, precisa só fazer o esforço de correr atrás de seus objetivos e estudar, estudar muito, o resto a gente conquista depois”, enfatiza.

O Programa Território Empreendedor é uma tecnologia social realizada pela Adel, em parceria com a BrazilFoundation, Oi Futuro, Acreditar e faz parte do Programa Interagir da Companhia Siderúrgica do Pecém/CSP que busca criar um ecossistema de empreendedorismo socioeconômico na região da CSP.