Adel recebe 2ª Visita Técnica e Encontro Formativo do PIPS FIES

Hoje 27/08, a Adel recebeu a visita de Kleber Valadares, da equipe técnica do Programa de Investimento em Programas Sociais do Fundo Itaú Excelência Social (PIPS FIES) para realizar a 2ª Visita Técnica e Encontro Formativo.

Kleber Valadares, da equipe técnica do Programa de Investimento em Programas Sociais do Fundo Itaú Excelência Social (PIPS FIES 2012).

O objetivo da visita era avaliar as ações da Adel e as atividades do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) realizadas com o apoio do PIPS FIES.

Gilderson Junior, monitor educacional e Helano Luz, diretor financeiro da Adel.

A visita faz parte do acompanhamento técnico oferecido às organizações apoiadas pelo FIES, fundo que investe em ações de organizações sociais com apoio da Fundação Itaú Social e parceria técnica do FICAS.

O FICAS é uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos, fundada em 1997 que acredita que as organizações como a Adel tem um papel fundamental e estratégico nas mudanças e transformações sociais, por conta disso, investe continuamente no fortalecimento destas iniciativas por meio de programas e ações de formação e articulação.

Aurigele Alves, gerente de programas; Elionardo Oliveira, assistente de comunicação e Josy Carla, auxiliar administrativo da Adel. (Da esquerda para a direita).
Aurigele Alves, gerente de programas da Adel.

Segundo Aurigele Alves, gerente de programa da Adel, as atividades de acompanhamento do PIPS FIES tem colaborado bastante para o crescimento dos projetos apoiados. “Encontros como estes são muito importantes para o fortalecimento da organização e das atividades executadas por ela, discutir a importância da avaliação em todos os processos é fundamental para a elaboração de novas estratégias e planos de melhorias do que vem sendo feito”, enfatiza.

O PIPS FIES é uma iniciativa do banco Itaú, implementada com o apoio da Fundação Itaú e parceria técnica do FICAS, que destina 50% da taxa administrativa do fundo para o fortalecimento de organizações da sociedade civil.

Adel recebe 2ª Visita Técnica e Encontro Formativo do PIPS FIES

Hoje 27/08, a Adel recebeu a visita de Kleber Valadares, da equipe técnica do Programa de Investimento em Programas Sociais do Fundo Itaú Excelência Social (PIPS FIES) para realizar a 2ª Visita Técnica e Encontro Formativo.

Kleber Valadares, da equipe técnica do Programa de Investimento em Programas Sociais do Fundo Itaú Excelência Social (PIPS FIES 2012).

O objetivo da visita era avaliar as ações da Adel e as atividades do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) realizadas com o apoio do PIPS FIES.

Gilderson Junior, monitor educacional e Helano Luz, diretor financeiro da Adel.

A visita faz parte do acompanhamento técnico oferecido às organizações apoiadas pelo FIES, fundo que investe em ações de organizações sociais com apoio da Fundação Itaú Social e parceria técnica do FICAS.

O FICAS é uma organização da sociedade civil, sem fins lucrativos, fundada em 1997 que acredita que as organizações como a Adel tem um papel fundamental e estratégico nas mudanças e transformações sociais, por conta disso, investe continuamente no fortalecimento destas iniciativas por meio de programas e ações de formação e articulação.

Aurigele Alves, gerente de programas; Elionardo Oliveira, assistente de comunicação e Josy Carla, auxiliar administrativo da Adel. (Da esquerda para a direita).
Aurigele Alves, gerente de programas da Adel.

Segundo Aurigele Alves, gerente de programa da Adel, as atividades de acompanhamento do PIPS FIES tem colaborado bastante para o crescimento dos projetos apoiados. “Encontros como estes são muito importantes para o fortalecimento da organização e das atividades executadas por ela, discutir a importância da avaliação em todos os processos é fundamental para a elaboração de novas estratégias e planos de melhorias do que vem sendo feito”, enfatiza.

O PIPS FIES é uma iniciativa do banco Itaú, implementada com o apoio da Fundação Itaú e parceria técnica do FICAS, que destina 50% da taxa administrativa do fundo para o fortalecimento de organizações da sociedade civil.

Adel recebe visita do Instituto Oi Futuro

Entre os dias 24 e 25/08, a Adel recebeu a visita de Flavia Vianna, Coordenadora da área de sustentabilidade do Instituto Oi Futuro. O objetivo da visita era conhecer as atividades dos projetos desenvolvidos pela Adel em parceria com Instituto Oi Futuro.

Sra. Patrícia, mãe de jovem atendido pela Adel; Sandra Macedo, Petrobras e Flavia Vianna, Instituto Oi Futuro. (Da esquerda pra direita)
 O roteiro da visita iniciou na segunda feira na aula inaugural do Programa Jovem Empreendedor Rural, onde Flávia falou da importância dos jovens participarem de projetos como este e do apoio do Instituto Oi Futuro para execução deles. Em seguida conheceu a sede da Adel em Pentecoste e por fim conheceu os empreendimentos de jovens atendidos pelo programa.

Propriedade de Gilderson Junior, primeiro a esquerda.
Gilderson Junior, jovem formado pelo PJER em 2014 foi um dos jovens que recebeu a visita de Flávia, apresentado seu negócio de Suinocultura. “É muito gratificante mostrar para parceiros da Adel como Instituto Oi Futuro o resultado da sua ajuda na nossa formação, tudo isso me deixa mais empolgado em saber que outras pessoas saberão da minha iniciativa de empreender”, enfatiza.
CIT da comunidade de Vila Soares – Apuiarés.

CIT da comunidade de Sítio do Meio – Pentecoste.

CIT da comunidade de Lagoa das Pedras – Apuiarés.

Na terça feira foram visitados os Centro Integrados de Tecnologias (CITs) das comunidades de Lagoa das Pedras e Vila Soares – Apuiarés e Sítio do Meio – Pentecoste. O CIT é um projeto desenvolvido pela Adel com o apoio do Instituto Oi Futuro que possibilita aos jovens o acesso às Tecnologias de Informações e Comunicação (TIC’s).

“A importância de apoiar projetos como estes é muito significativo, pois ajuda construir uma mudança de paradigma que envolve o espaço cidade – campo. De ver no meio rural uma alternativa ao desenvolvimento sustentável com planejamento e qualidade de vida. É assim que os jovens empreendedores da Adel tem se posicionado frente aos seus planos de vida e negócios”. Afirma Flavia Vianna, Coordenadora da área de sustentabilidade do Instituto Oi Futuro.

Através dos seus programas, o Instituto Oi Futuro apóia projetos desenvolvidos por organizações sociais de todo o país, que visam a melhoria da qualidade de vida, a promoção da diversidade, a acessibilidade e a inclusão social.

Adel recebe visita do Instituto Oi Futuro

Entre os dias 24 e 25/08, a Adel recebeu a visita de Flavia Vianna, Coordenadora da área de sustentabilidade do Instituto Oi Futuro. O objetivo da visita era conhecer as atividades dos projetos desenvolvidos pela Adel em parceria com Instituto Oi Futuro.

Sra. Patrícia, mãe de jovem atendido pela Adel; Sandra Macedo, Petrobras e Flavia Vianna, Instituto Oi Futuro. (Da esquerda pra direita)

 O roteiro da visita iniciou na segunda feira na aula inaugural do Programa Jovem Empreendedor Rural, onde Flávia falou da importância dos jovens participarem de projetos como este e do apoio do Instituto Oi Futuro para execução deles. Em seguida conheceu a sede da Adel em Pentecoste e por fim conheceu os empreendimentos de jovens atendidos pelo programa.

Propriedade de Gilderson Junior, primeiro a esquerda.
Gilderson Junior, jovem formado pelo PJER em 2014 foi um dos jovens que recebeu a visita de Flávia, apresentado seu negócio de Suinocultura. “É muito gratificante mostrar para parceiros da Adel como Instituto Oi Futuro o resultado da sua ajuda na nossa formação, tudo isso me deixa mais empolgado em saber que outras pessoas saberão da minha iniciativa de empreender”, enfatiza.
CIT da comunidade de Vila Soares – Apuiarés.

CIT da comunidade de Sítio do Meio – Pentecoste.

CIT da comunidade de Lagoa das Pedras – Apuiarés.

Na terça feira foram visitados os Centro Integrados de Tecnologias (CITs) das comunidades de Lagoa das Pedras e Vila Soares – Apuiarés e Sítio do Meio – Pentecoste. O CIT é um projeto desenvolvido pela Adel com o apoio do Instituto Oi Futuro que possibilita aos jovens o acesso às Tecnologias de Informações e Comunicação (TIC’s).

“A importância de apoiar projetos como estes é muito significativo, pois ajuda construir uma mudança de paradigma que envolve o espaço cidade – campo. De ver no meio rural uma alternativa ao desenvolvimento sustentável com planejamento e qualidade de vida. É assim que os jovens empreendedores da Adel tem se posicionado frente aos seus planos de vida e negócios”. Afirma Flavia Vianna, Coordenadora da área de sustentabilidade do Instituto Oi Futuro.

Através dos seus programas, o Instituto Oi Futuro apóia projetos desenvolvidos por organizações sociais de todo o país, que visam a melhoria da qualidade de vida, a promoção da diversidade, a acessibilidade e a inclusão social.

Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios inicia atividades

Trinta jovens de 16 a 32 anos fazem parte da 3ª turma do Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios desenvolvido pelo Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER), no município de São Gonçalo do Amarante, Ceará.

O Curso iniciou no dia 24 de agosto, no Centro de Formação do Jovem Rural na comunidade de Sororoca, em São Gonçalo do Amarante. Na ocasião, a equipe da Adel, os pais e parceiros desejaram boas vindas aos jovens.

Sandra Macedo, gestora do projeto na Petrobras; Flávia Vianna, do Instituto Oi Futuro, e a Sra. Patrícia, representando os pais dos jovens selecionados, juntamente com Helano Luz Lopes, diretor financeiro da Adel, participaram da mesa de abertura do curso.

Aurigele Alves, gerente programa da Adel; Sandra Macedo, gestora do projeto na Petrobras; Sra. Patrícia, representando os pais dos jovens selecionados; Flávia Vianna, Instituto Oi Futuro e Helano Luz, diretor financeiro da Adel. (Da esquerda para a direita).

O Curso tem duração de quatro meses e inclui oficinas de associativismo, cooperativismo, protagonismo, liderança, empreendedorismo, administração rural, gestão, técnicas produtivas, comercialização, negócios rurais, microfinanças, agregação de valor, cadeias produtivas, sustentabilidade ambiental, governança, participação em redes, arranjos produtivos locais (APLs) e plano de negócio.

Para o diretor financeiro da Adel, Helano Luz Lopes, a finalidade do curso é apresentar aos jovens conhecimentos e ferramentas para que eles possam empreender. “Nós acreditamos no potencial que os jovens têm de empreender e nos comprometemos com os jovens, pais e parceiros a contribuir com a formação de novos empreendedores no território. Além do acesso ao conhecimento, os jovens terão apoio financeiro para implantar os seus negócios e assessoria técnica e gerencial da Adel”, ressaltou.

Helano Luz Lopes, Diretor Financeiro da Adel, cumprimentando os jovens, pais e parceiros

As atividades do curso intercalam entre semanas presenciais no Centro de Formação e o período vivencial dos jovens em suas Unidades Familiares. A metodologia do programa insere o jovem no centro da aprendizagem, possibilitando que os mesmos construam a partir da sua realidade soluções criativas para desenvolver o seu território.

O Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) é desenvolvido pela Adel com o patrocínio da Petrobras, apoio da Fundação Interamericana (IAF), Oi Futuro e da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante.

Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios inicia atividades

Trinta jovens de 16 a 32 anos fazem parte da 3ª turma do Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios desenvolvido pelo Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER), no município de São Gonçalo do Amarante, Ceará.

O Curso iniciou no dia 24 de agosto, no Centro de Formação do Jovem Rural na comunidade de Sororoca, em São Gonçalo do Amarante. Na ocasião, a equipe da Adel, os pais e parceiros desejaram boas vindas aos jovens.

Sandra Macedo, gestora do projeto na Petrobras; Flávia Vianna, do Instituto Oi Futuro, e a Sra. Patrícia, representando os pais dos jovens selecionados, juntamente com Helano Luz Lopes, diretor financeiro da Adel, participaram da mesa de abertura do curso.

Aurigele Alves, gerente programa da Adel; Sandra Macedo, gestora do projeto na Petrobras; Sra. Patrícia, representando os pais dos jovens selecionados; Flávia Vianna, Instituto Oi Futuro e Helano Luz, diretor financeiro da Adel. (Da esquerda para a direita).

O Curso tem duração de quatro meses e inclui oficinas de associativismo, cooperativismo, protagonismo, liderança, empreendedorismo, administração rural, gestão, técnicas produtivas, comercialização, negócios rurais, microfinanças, agregação de valor, cadeias produtivas, sustentabilidade ambiental, governança, participação em redes, arranjos produtivos locais (APLs) e plano de negócio.

Para o diretor financeiro da Adel, Helano Luz Lopes, a finalidade do curso é apresentar aos jovens conhecimentos e ferramentas para que eles possam empreender. “Nós acreditamos no potencial que os jovens têm de empreender e nos comprometemos com os jovens, pais e parceiros a contribuir com a formação de novos empreendedores no território. Além do acesso ao conhecimento, os jovens terão apoio financeiro para implantar os seus negócios e assessoria técnica e gerencial da Adel”, ressaltou.

Helano Luz Lopes, Diretor Financeiro da Adel, cumprimentando os jovens, pais e parceiros

As atividades do curso intercalam entre semanas presenciais no Centro de Formação e o período vivencial dos jovens em suas Unidades Familiares. A metodologia do programa insere o jovem no centro da aprendizagem, possibilitando que os mesmos construam a partir da sua realidade soluções criativas para desenvolver o seu território.

O Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) é desenvolvido pela Adel com o patrocínio da Petrobras, apoio da Fundação Interamericana (IAF), Oi Futuro e da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante.

Jovens do Programa Jovem Empreendedor Rural recebem primeira visita

 

Entre os dias 18 e 21/08, os assessores de formação da Adel visitaram as famílias dos jovens selecionados para o Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER).



A visita às famílias é considerada uma das atividades fundamentais para o desenvolvimento do Programa. Além de fortalecer o comprometimento da organização com a família dos jovens, é uma oportunidade para juntos apoiar as iniciativas empreendedoras.


O acompanhamento da família na formação dá aos jovens motivações para colocar em prática suas ideias. Alguns até empreendem na mesma área que os pais, decidindo implantar um negócio na mesma área que já atuam, fortalecendo a sucessão familiar.



O Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) é desenvolvido pela Adel com o patrocínio da Petrobras, apoio da Fundação Interamericana (IAF), Oi Futuro e da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante.

Jovens do Programa Jovem Empreendedor Rural recebem primeira visita

 

Entre os dias 18 e 21/08, os assessores de formação da Adel visitaram as famílias dos jovens selecionados para o Curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios do Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER).

A visita às famílias é considerada uma das atividades fundamentais para o desenvolvimento do Programa. Além de fortalecer o comprometimento da organização com a família dos jovens, é uma oportunidade para juntos apoiar as iniciativas empreendedoras.


O acompanhamento da família na formação dá aos jovens motivações para colocar em prática suas ideias. Alguns até empreendem na mesma área que os pais, decidindo implantar um negócio na mesma área que já atuam, fortalecendo a sucessão familiar.

O Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) é desenvolvido pela Adel com o patrocínio da Petrobras, apoio da Fundação Interamericana (IAF), Oi Futuro e da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante.

Jovens selecionados para o Programa Jovem Empreendedor Rural

Entre os dias 11 e 14/08, a Adel realizou a seleção dos jovens que irão participar da nova turma do Programa Jovem Empreendedor Rural.

 Cerca de 60 jovens do município de São Gonçalo do Amarante participaram da seleção, destes, somente 35 foram selecionados para participar do Programa, que tem como atividade inicial, o curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios.  

O curso tem uma carga horária de 720 horas aulas, cumpridas ao longo de 04 meses de formação. Patrocinado pela Petrobras este projeto já beneficiou mais de 60 jovens do município de São Gonçalo do Amarante. Após a formação o jovem continua recebendo a assessoria técnica gerencial e total apoio na implantação dos seus Planos de Negócios elaborados ao longo do processo formativo.

O Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER) é desenvolvido pela Adel com o patrocínio da Petrobras, apoio da Fundação Interamericana (IAF), Oi Futuro e da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante.

Confira a lista completa dos jovens selecionadoshttps://goo.gl/VT89C6

Jovens selecionados para o Programa Jovem Empreendedor Rural

Entre os dias 11
e 14/08, a Adel realizou a seleção dos jovens que irão participar da nova turma
do Programa Jovem Empreendedor Rural.

 Cerca de 60 jovens do município de São Gonçalo do Amarante participaram da seleção, destes,
somente 35 foram selecionados para participar do Programa, que tem como
atividade inicial, o curso de Empreendedorismo e Gestão de Negócios.  

O curso tem uma carga
horária de 720 horas aulas, cumpridas ao longo de 04 meses de formação. Patrocinado
pela Petrobras este projeto já beneficiou mais de 60 jovens do município de São
Gonçalo do Amarante. Após a formação o jovem continua recebendo a assessoria
técnica gerencial e total apoio na implantação dos seus Planos de Negócios
elaborados ao longo do processo formativo.

O Programa
Jovem Empreendedor Rural (PJER) é desenvolvido pela Adel com o patrocínio da
Petrobras, apoio da Fundação Interamericana (IAF), Oi Futuro e da Prefeitura
Municipal de São Gonçalo do Amarante.

Confira a lista completa dos
jovens selecionados
https://goo.gl/VT89C6