Adel inicia pesquisa em parceria com a Columbia University

_dsc0150

Nesta quinta-feira (08/12) a Adel inicia projeto de pesquisa em parceria com a School of International and Public Affairs (SIPA) da Columbia University, de Nova York, EUA. O projeto busca avaliar os impactos de um dos Programas da instituição – o Programa Jovem Empreendedor Rural (PJER).

Criado e desenvolvido pela Adel desde 2009, o PJER cria oportunidades para o desenvolvimento de empreendimentos rurais por jovens empreendedores e já beneficiou mais de 700 jovens de nove municípios do Estado do Ceará – São Gonçalo do Amarante, Pentecoste, Paracuru, Umirim, Caucaia, São Luís do Curu, Tejuçuoca, General Sampaio e Apuiarés.

Com uma abordagem integrada, o PJER trabalha com as habilidades empreendedoras da juventude e possibilita o acesso a conhecimento, crédito orientado, redes e tecnologias. Estes componentes integram a própria estratégia de atuação da Adel e são considerados indispensáveis para os jovens criar ou aperfeiçoar um projeto de negócio na comunidade onde reside.

Diante das experiências criadas e vivenciadas pelos jovens entre 2009 e 2015, a avaliação de impactos que será realizada pela Adel e a Columbia University, objetiva entender, com maior profundidade e fundamentado em dados e fatos, as transformações nas condições de vida e de trabalho de centenas de jovens que participam do PJER.

“Queremos saber como o PJER contribuiu para alterar as trajetórias desses jovens e se esse impacto está de acordo com o que esperávamos e desejávamos em nossos planos estratégicos”, comenta Gláucio Gomes, Diretor de Desenvolvimento da Adel.

A avaliação de impactos do Programa conta com o apoio de uma equipe multidisciplinar de estudantes de graduação e pós-graduação da Columbia University. A partir deste mês, os estudantes e integrantes da equipe da Adel pesquisam o contexto em que o Programa é desenvolvido.

Até março de 2017 serão realizadas entrevistas com jovens beneficiados e outras atividades de coleta e análise de dados. A perspectiva é apresentar ainda no primeiro semestre de 2017 um relatório completo com os resultados do estudo para subsidiar novos planos e estratégias para o aprimoramento do PJER.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *